Estudo da Unesp aponta 13 cidades com maior risco de propagar coronavírus em SP

Um estudo da Unesp aponta 13 cidades paulistas como centros de maior risco para a propagação do novo coronavírus pelo interior do estado, registra a Folha.

Além da capital paulista, os municípios considerados de maior risco para a propagação são Araçatuba, Araraquara, Bauru, Campinas, Marília, Piracicaba, Santos, Ribeirão Preto, São José do Rio Preto, São José dos Campos, Sorocaba e Votuporanga.

O levantamento, segundo a universidade, leva em conta não apenas o número de casos confirmados de Covid-19, mas também os suspeitos, o número de internações por síndrome respiratória grave e a importância regional das cidades.

A análise foi uma das que embasaram a decisão de João Doria, anunciada ontem, de estender por mais 15 dias a quarentena em todos os 645 municípios do estado.

Por O Antagonista e Folha Press