Curso visa padronização das ações da GCM na região

Região
Curso visa padronização das ações da GCM na região 31 julho 2010

Em cerimônia realizada em São Manuel, na Praça Altar da Pátria, localizada na Rua Sete de Setembro, aconteceu a formatura do Curso de Formação ministrado pela Guarda Civil Municipal de Botucatu. Em pouco mais de três meses, com carga horária de 640 horas, que envolveu aulas práticas e teóricas, 22 GCMs de São Manuel e cinco de Pratânia foram treinados como proceder em atividades de rua, nas abordagens e revistas de suspeitos, patrulhamento comunitário, entre outras ações.

A iniciativa busca padronizar a prestação de serviços na área de segurança pública nos municípios da região. A solenidade contou com as presenças dos prefeitos João Cury Neto (Botucatu) e Tharcílio Baroni Júnior (São Manuel); do vice-prefeito de Pratânia, Daniel Luiz de Carvalho, que representou o prefeito Prof. Marcos; do secretário de Segurança de Botucatu, Dr. Adjair de Campos; do presidente da Câmara Municipal de São Manuel, Paulo Zaparolli; dos comandantes das GCMs de Botucatu, Paulo Renato da Silva; de São Manuel, José Aparecido Gomes e de Pratânia, Jurandir José dos Santos; além de outras autoridades e familiares dos formandos.

Os representantes do Poder Executivo dos três municípios foram homenageados pela atenção e pelos investimentos que estão sendo feitos na área de segurança pública. As madrinhas e os padrinhos dos formandos fizeram a entrega do brevê e do diploma a cada um deles. Escolhido como orador da turma, o GCM de São Manuel, Leandro Luchesi Furlan ressaltou que a segurança pública, por muito tempo, ficou esquecida pelos municípios, por conta da Constituição apontá-la como dever do Estado.

“Hoje as forças de segurança devem atuar de forma integrada, sem avançar nas suas competências e atribuições. Mudanças não se fazem necessárias, mas obrigatórias”, discursou.

A filha de Luchesi, a pequena Lívia, foi um dos destaques da cerimônia. Vestida com fardamento semelhante ao dos GCMs, ela acompanhava os movimentos da tropa e ajudou a entoar a Canção da GCM. A garotinha foi muito requisitada pelos fotógrafos e pouso ao lado dos prefeitos de Botucatu e São Manuel.

Ex-delegado em São Manuel, o secretário de Segurança de Botucatu, Adjair de Campos, ressaltou o apoio que tem recebido por parte do prefeito João Cury, que em apenas um ano de mandato dobrou o contingente da GCM, investiu na compra de armamento e de viaturas para melhoria das condições de trabalho dos agentes e ampliação da prestação de serviços.

“Rodamos mais de vinte e dois mil quilômetros por mês. Fico feliz no dia de hoje pelo fato dos GCMs terem sido capacitados. A GCM não precisa de heróis. Precisamos de homens e mulheres que saibam lidar com as pessoas e que voltem vivos para suas casas”, disse.

Em seu discurso, o prefeito de Botucatu destacou a necessidade de um trabalho integrado entre as Guardas Municipais e outras forças de segurança dos municípios da região. “O bandido, o ladrão, o traficante não respeita as fronteiras geo-políticas. Por isso precisamos de uma ação planejada e integrada. Até porque não se constrói segurança pública sozinho”, disse João Cury.

Apesar de considerar importante os investimentos em novos veículos, fardamento e armamento para a GCM, o chefe do Executivo ressaltou que o foco principal deve estar nas pessoas. “A finalidade principal é o homem, o ser humano, o profissional que nos protege. Em Botucatu, mostramos que não basta ter a Guarda Municipal, é preciso capacitá-la. Em nossa cidade quebramos paradigmas. A GCM era tida como grosseira, truculenta e hoje é reconhecida como uma Guarda Cidadã, amiga das pessoas. É um de nossos tesouros”, afirmou.

Por sua vez, o prefeito de São Manuel agradeceu a colaboração da GCM de Botucatu para qualificação de seus agentes e dos de Pratânia. “Hoje é um dia muito feliz para todos nós. Nossos guardas passaram por uma qualificação de nível internacional”, disse Baroni.

Fotos: Divulgação

Compartilhe esta notícia
Oferecimento
BERIMBAU INST DESK
Oferecimento