Agudos fica em 2º lugar no País por programas a gestantes

Concorrendo com cerca de 1.700 projetos inscritos em todo Brasil, Agudos ficou em segundo lugar entre os 50 finalistas do Prêmio Gestor Público 2019 em Boas Práticas na área da Saúde com o projeto Boas Vindas e Sala Aconchego. O reconhecimento foi entregue ao prefeito Altair Francisco Silva nesta quarta-feira (2), durante o 2º Congresso Nacional de Prefeitos, realizado no Memorial da América Latina, na Capital.

O programa Boas Vindas é uma parceria entre a prefeitura e o Hospital de Agudos. Através dele, durante os nove meses de gravidez, as mulheres que sentirem qualquer intercorrência relacionada à gestação podem procurar atendimento com especialista diretamente no hospital, sem necessidade de encaminhamento pela UPA ou unidades da rede básica de saúde.

As pacientes são atendidas por um médico e uma enfermeira obstetras, que permanecem de plantão 24h. Em 2018, foram atendidas 2.880 gestantes no programa Boas Vindas e realizados 391 partos. Para manter o atendimento diferenciado, a prefeitura renovou em junho o convênio que garante os repasses mensais ao hospital para manter equipe especializada.

Já o programa Sala Aconchego, que funciona no Posto de Saúde Central, é um caminho natural para mães que querem, mas não se sentem seguras em amamentar sozinhas. O trabalho começa no hospital, com orientações após o parto, e continua depois, tirando dúvidas sobre excesso de leite e doação, quando as mulheres voltam ao trabalho e desmame.

Finalistas

Além da classificação em segundo lugar com projeto da Saúde, Agudos também foi finalista com outros dois projetos: o Agudos Sustentável, que colocou cidade entre as nove melhores práticas do Brasil na área de Meio Ambiente, e Feirinha da Lua e Arte na Praça, na área de Gestão Pública Participativa, classificado entre os seis melhores. É muito especial ter o reconhecimento de que nossas práticas estão contribuindo para melhorar a vida da população”, declara o prefeito.

Fonte: JCNet