Izaias Colino diz que está descontente com o PSDB e dispara contra o presidente estadual dos Tucanos

O Vereador Izaias Colino, Presidente da Câmara Municipal de Botucatu, está descontente com o seu partido, o PSDB. Na manhã desta quarta-feira, dia 24, o parlamentar concedia entrevista ao Programa Bom Dia Criativa, da Criativa FM, sobre o Projeto de Lei que poderá aplicar multas em caso de interrupção de energia sem aviso prévio na manutenção dos serviços da CPFL.

Em determinado momento a entrevista rumou para assuntos políticos. Questionado pelo apresentador Júnior Quinteiro sobre os boatos de sua possível saída do PSDB, Colino disse que não pretende sair do no partido, mas expressou seu descontentamento com a sigla.

“Acho que essa é uma situação interessante. Sempre fui transparente com relação a isso, estou há 14 anos no PSDB, não sei se vou passar minha vida inteira aí e se um dia tiver que sair, farei de coração partido. O que digo para você é que o PSDB recebeu um recado importante da população nessas eleições.  O partido está muito desgastado, os grandes deputados do PSDB tiveram suas votações reduzidas quase que em um terço, nossa bancada de deputados estaduais e federais diminuiu a metade, nosso candidato a Presidente (Geraldo Alckmin) quase perdeu para o Cabo Daciolo e temos um respiro no estado de São Paulo, pois disputamos o segundo turno, mas o PSDB é um partido que claramente precisa se reinventar”, disse o Vereador.

As críticas não ao ninho tucano não cessaram. Na sequência Izaias Colino disparou contra o Presidente estadual do Partido, Pedro Tobias, dizendo que o político bauruense, que está findando seu mandato como Deputado Estadual, acabou com o Partido.

“É um presidente horrível, horroroso. Essa caça às bruxas que ele promove dentro do PSDB, além de ser antidemocrática é imoral e eu repudio totalmente a atuação do Pedro Tobias no comando do PSDB do estado. Então todas essas situações e eu sou muito contundente a isso, causam esse tipo de especulação sobre a minha saída”, lamentou Izaias.

Colino ainda citou os problemas envolvendo Aécio Neves, lembrando que foi o único membro do partido em Botucatu a criticar publicamente a questão que envolvia o Senador com a JBS e sua continuidade no Partido. “O partido tem tomado atitudes nacionalmente e estatualmente que estão me deixando muito insatisfeito, mas eu nunca disse em sair e defendo que o partido precisa se reinventar, buscar um novo caminho e estou disposto a ajudar nesse novo caminho”, disse.

Em abril deste ano o Ex-Prefeito de Botucatu e atual Secretário Estadual de Educação João Cury foi expulso do PSDB por Pedro Tobias, após virar Secretário e apoiador a candidatura de Márcio França ao Governo do Estado. Perguntado se teme sofrer represália, o legislador voltou a criticar o Presidente Estadual tucano.

“Se eu for expulso por ter coragem de dizer o que penso eu não sirvo para estar lá mesmo. E vou além, não estou discutindo fidelidade partidária, se o PSDB tem um candidato, acho que todos devem apoiar, mas expulsar aqueles que não tem a mesma posição, isso é um absurdo, não entra na minha cabeça”, coloca.

Para finalizar ele responsabilizou o Presidente Estadual da sigla pelo momento ruim que os tucanos vivem. “Eu lamento o “Modus Operandi” Pedro Tobias. Acho que um dos grandes responsáveis pelo PSDB se encontrar nesta situação é justamente o Pedro Tobias”, finalizou.