Câmara de Pardinho vota afastamento de vereador suspeito de ofender jornalista com comentário machista

Política
Câmara de Pardinho vota afastamento de vereador suspeito de ofender jornalista com comentário machista 06 abril 2022
Foto: Reprodução/Câmara de Pardinho

A Câmara de Vereadores de Pardinho (SP) vota nesta quarta-feira (6) se aceita uma denúncia por quebra de decoro protocolada nesta terça-feira (5) contra o vereador Célio de Barros, o Celião (PSDB), por conta de um suposto assédio cometido contra uma jornalista no município.

Segundo a denúncia feita pela própria jornalista, Celião, que também é presidente da Comissão Especial de Inquérito (CEI) aberta para investigar outro vereador envolvido em uma denúncia de desvio de verba pública, teria criticado a jornalista durante uma sessão da CEI e emitido um comentário de tom machista e ofensivo.

Em áudio entregue junto com a denúncia e que já circula nas redes sociais da cidade, o vereador teria dito o seguinte durante os trabalhos da CEI: “quando eu estava de prefeito, ela [jornalista] só faltava dar pra mim”. Procurado pelo g1, o vereador Célio de Barros não se manifestou até a publicação desta matéria.

Na sessão desta quarta-feira, os vereadores votarão se aceitam a denúncia e, em caso positivo, votam novamente pelo afastamento do parlamentar alvo da suposta quebra de decoro. Em ambos os casos, a aprovação se dará por maioria simples, ou seja, o voto de cinco dos nove vereadores.

Se o afastamento for aprovado, o suplente – Rodrigo Costa (PSDB) – já assume a vaga do vereador, tanto como parlamentar como presidente da CEI.

Na sequência, por sorteio, são definidos os integrantes de uma Comissão Processante (CP) que vai investigar a denúncia.

Se ao final das investigações o relatório da CP indicar a cassação do vereador suspeito, a aprovação do pedido precisará contar com maioria qualificada, ou seja, o voto favorável de seis dos nove vereadores.

Fonte: portal G1

Compartilhe esta notícia
Oferecimento
BERIMBAU INST DESK
Oferecimento