Câmara de Itatinga abre Comissão Processante para averiguar uso indevido de veículo da prefeitura

Na noite desta segunda-feira, 06, foi aberta na câmara municipal de Itatinga uma Comissão Processante para investigar o uso de um veículo oficial do poder Executivo. A votação ficou em 6 votos a 5 a favor da abertura da CP. Segundo a denúncia, o prefeito em exercício, José Geraldo Celestino de Oliveira, teria usado um carro oficial para ir ao Shopping de Botucatu em um domingo. Ainda segundo a denúncia, o prefeito estaria passeando com a família.

Fotos foram feitas do veículo no estacionamento do local no dia 22 de janeiro deste ano. A denúncia foi apresentada na primeira sessão ordinária do ano, assinada pela cidadã Michele Valério. Votaram contra a abertura da CP os vereadores: Lukas Machado, Rafael Brésio, José Carlos Marins, Paulo Rogério Pires e Rosalva Ribeiro.

Por haver empate, o voto decisivo para abertura do processo foi do atual Presidente da Câmara Nilton de Jesus Polido, correligionário do atual prefeito (interino), que ao final da sessão afirmou estar representando toda a população do município de Itatinga, independente de sigla partidária. Por sorteio a comissão processante foi formada pelos vereadores Reginaldo Nazareth Soares, Lukas Machado e Rosalva Ribeiro.

O Acontece Botucatu enviou mensagens e ligou no celular do prefeito em exercício, Professor Geraldo , porém, ele não respondeu, não atendeu o telefonema e até o momento do fechamento desta reportagem, não havia retornado a ligação.