Vítima reage a assalto e acaba esfaqueado na barriga

Polícia
Vítima reage a assalto e acaba esfaqueado na barriga 22 outubro 2010

Um caso registrado em Boletim de Ocorrência (BO) como tentativa de roubo, seguida de lesão corporal dolosa foi atendida pelos policiais militares cabo Paulino e soldado Moreno, na Rua Djalma Dutra, nº 480, região central de Botucatu, tendo como vítima, José Carlos Ferraz Losi. O BO revela que o crime ocorreu ? s 23h10 desta quinta-feira.

Consta que a vítima estava na sala de sua casa quando três marginais, um deles armado com uma faca, invadiram a residência e anunciaram o assalto. Um dos ladrões fez menção de apanhar a televisão de 21 polegadas e Losi fez uma coisa que é desaconselhável nesses casos: tentou reagir.

Ele entrou em luta corporal com um dos marginais e acabou sendo esfaqueado na região do abdome (barriga). Após agredir a vítima, os marginais fugiram, não concretizando o assalto. A vítima foi encaminhada ao Pronto Socorro da Unesp, onde permaneceu sob cuidados médicos.

Embora os policiais militares tenham efetuado patrulhamento pelas imediações do crime, o trio de assaltantes não foi localizado e o crime está sendo trabalhado pela equipe especializada em esclarecimentos de furtos e roubos da Delegacia de Investigações Gerais (DIG).

O caso ocorrido com Losi é uma alerta que a Polícia Militar sempre procura passar para quem é vítima de assaltantes. O comandante da 1ª Companhia de Polícia de Botucatu, José Semensati Júnior (foto), orienta que em nenhuma hipótese a pessoa deve reagir a um assalto.

“Em um assalto, geralmente, o marginal armado está mais tenso do que a própria vítima e qualquer gesto mais brusco pode levar a uma reação. Por isso, nossa recomendação é que as pessoas não reajam para preservar sua integridade física”, colocou Semensati.

Compartilhe esta notícia
Oferecimento
BERIMBAU INST DESK
Oferecimento