Ultraleve avançado cai em Botucatu e mata duas pessoas

Fotos: Acontece Botucatu

Um ultraleve caiu em Botucatu na tarde deste sábado, dia 11, em um local próximo ao aeroporto municipal Tancredo Neves. Trata-se de um ultraleve avançado, Super Coiote, prefixo PU-TFM.

Duas pessoas morreram no acidente, o técnico de som César Titton, proprietário do equipamento, e Maria Jose Quaresma de Jesus, de 34 anos, mais conhecida como Duda Paulino. De acordo com testemunhas, o aparelho saiu da pista, fez uma curva e caiu de bico no solo. A mulher era conhecida do piloto e foi fazer um voo panorâmico pela cidade .

Amigos das vítimas foram até o aeroporto. A namorada do piloto estava no aeroporto e acompanhou a decolagem do ultraleve.

A área da queda fica em um canavial ao lado  de um local de treinamento de tiro do TG 02.048. Segundo informações, a aeronáutica não irá até o local, pois o modelo era experimental. A Polícia Científica e a delegada plantonista, Simone Firmino Tuono, compareceram ao local para dar início as investigações que irão apurar as causas do acidente.

*Atualizado às 20:49