TOR intercepta na Castelo Branco fuzis, carregadores e lunetas que seriam entregues ao crime no Rio

O TOR da Polícia Rodoviária registrou neste sábado, dia 22, um caso de tráfico internacional de armas na Rodovia Castelo Branco, em Itatinga. Foram encontrados cinco fuzis sem marca e modelo aparentemente, Cal. 556mm, acabamento oxidado, sem numerações e marca/modelo aparentes, provavelmente do modelo M416, além de nove carregadores cal.556mm, marca Colt AR-15, fabricação americana e cinco lunetas sem marca e modelos aparentes.

Durante operação de combate ao narcotráfico e demais ilícitos penais, a Equipe de policiais militares rodoviários do Tático Ostensivo Rodoviário-TOR abordou o ônibus com 19 passageiros, que fazia o itinerário de Foz do Iguaçu/PR – Niterói/RJ. Durante entrevistas e revista das bagagens dos ocupantes do coletivo, o passageiro que ocupava a poltrona 39 apresentou certo nervosismo, o que levou a equipe a fazer uma busca minuciosa no compartimento próprio.

Os policiais do TOR localizaram no interior de três caixas de som (amplificadores) as armas acima descritas. Questionado a respeito, o homem disse que pegou as caixas já preparadas com as armas, carregadores e lunetas no terminal rodoviário de Maringá, de uma pessoa que não sabe o nome.

O passageiro disse que levaria até o terminal rodoviário de Barra Mansa/RJ, onde as deixaria no guarda-volumes e outra pessoa, que não sabe quem é, faria a retirada.  Os policiais do TOR deram voz de prisão ao homem de 40 anos por Tráfico internacional de armas. A ocorrência foi encaminhada à Delegacia de Polícia Federal de Bauru, onde foi elaborado o Flagrante e o preso foi encaminhado ao CDP de Bauru.