TOR apreende mais 2 toneladas de drogas na rodovia Castelo Branco em Itatinga

A Polícia Rodoviária registrou na madrugada desta terça-feira, 29, um caso de tráfico de drogas na Castelo Branco em Itatinga. Durante fiscalização pela praça de pedágio, km 208, a equipe do TOR (Tático Ostensivo Rodoviário) abordou um automóvel do Estado de SC.

Após busca pessoal e veicular, nada de ilícito foi localizado no interior do veículo ou nas vestes do homem de 19 anos e morador de Indaial/SC. Porém, os policiais do TOR perceberam o abordado muito nervoso, relatam boletim de ocorrência.

Os policiais desconfiaram que o condutor do carro abordado pudesse estar fazendo a função de “batedor” de algum veículo, transportando algo ilícito. A Equipe TOR passou a diligenciar a região e acabou localizando, pouco antes do local onde o homem estava abordado, um caminhão com placas do mesmo Estado (SC). O veículo foi abordado quando chegava na mesma praça de pedágio.

O caminhão com placas de Gaspar/SC tinha como condutor um homem de 31 anos, morador também de Indaial/SC e ele informou estar transportando água mineral, estando também notavelmente nervoso, fato que gerou uma fundada razão para uma busca minuciosa no compartimento de cargas do veículo pelos policiais militares rodoviários do TOR.

Durante a vistoria foi localizado um compartimento falso com grande quantidade de drogas, que após contagem e pesagem resultaram na seguinte apreensão:

– 2.383 Tijolos de Maconha, pesando 1.620 kg

– 84 Pacotes de Skunk, totalizando 40,400 kg

– 77 Tabletes de Haxixe, totalizando 7,700 kg

– 06 tijolos de Cocaína que pesaram 6,200 kg

Para terem o acesso a toda a droga, foi acionado o Corpo de Bombeiros de Botucatu, que utilizou material para cortar o “baú” do caminhão. Ao efetuarem a prisão dos dois homens, após a confissão dos dois no transporte das quase 2 toneladas de drogas, os policiais ainda descobriram que o condutor do automóvel é sobrinho do condutor do caminhão.

Os policiais militares rodoviários deram Voz de prisão em flagrante aos abordados por Tráfico de drogas e a ocorrência foi encaminhada ao Plantão de Polícia Civil em Botucatu para o registro do flagrante. Foram apreendidos os veículos, três aparelhos celulares, R$ 2.098,00, uma furadeira, uma rebitadeira e um alicate de corte.

Os presos permaneceram presos à disposição da justiça pela carceragem da delegacia, onde aguardarão a audiência de custódia.