Polícia Rodoviária prende dois homens com carga contrabandeada de cigarros em Avaré

O TOR da Polícia Rodoviária registrou em uma mesma ocorrência os crimes de receptação de veículo roubado, contrabando e uso de documento falso. O fato ocorreu no sábado, 09, na Rodovia João Melão, em Avaré

Durante patrulhamento para combater ilícitos penais pela SP 245, Rodovia Salim Antônio Curiati, entre Avaré e Cerqueira César, a Equipe do Tático Ostensivo Rodoviário-TOR observou os veículos no contra fluxo (sentido contrário) próximo ao Km 4 e resolveu pela consulta da placa do utilitário de cor vermelha.

O mesmo apontou que se tratava de “veículo com duplicidade de placa”, ou seja, poderia se tratar de um veículo Clonado. A Equipe do TOR retornou e verificou que um veículo prata e o utilitário, acessaram a SP 255, Rodovia João Mellão, sentido Castelo Branco.

Quando a Equipe do TOR se aproximou dos automóveis, o utilitário já havia empreendido maior velocidade e acessado o município pela avenida Paulo Araújo Novaes e os policiais perderam o contato visual momentaneamente.

Foram passadas as características e placa ao COPOM da Polícia Militar, além do destino tomado para o apoio de viaturas do policiamento urbano do 53° BPM/I. O automóvel prata, conduzido por um homem de 40 anos, aparentava estar com peso excessivo. Após 4km de acompanhamento, o veículo foi abordado no km 252 e foi constatado estar carregado com cigarros oriundos do Paraguai.

Já com o apoio do policiamento territorial do 53° BPM/I, após diligências, o veículo utilitário, conduzido por um homem de 25 anos, foi abordado no estacionamento de um Hotel às margens da SP-255 e seu condutor localizado. Foi constatado grande quantidade de caixas de cigarros oriundos do Paraguai no interior desse segundo veículo abordado, além de se confirmar que se tratava de veículo clonado.

O carro, uma Ecosport, vermelha, era produto de roubo em São Paulo no mês de janeiro. O fato foi revelado após vistoria minuciosa, pois teve todos os elementos identificadores adulterados.

Foi dado Voz de Prisão em Flagrante aos dois homens do interior do Paraná por Contrabando e também por Receptação e uso de documento falso, já que apresentou um CRLV que estava em um lote de 1.200 espelhos de CRLV roubados pelo município de Itanhaém.

Ocorrência apresentada na Delegacia da Polícia Federal de Bauru, onde foi elaborado o Flagrante e os homens foram encaminhados a Cadeia Pública de Avaí.