Polícia Militar de Botucatu prende suspeitos de roubo na Anidro nesta madrugada

A Polícia Militar de Botucatu, através da equipe da Força Tática e equipe Bravo, prendeu dois suspeitos de roubo contra a empresa Anidro, na região da Vicinal Eduardo Zucari. Segundo consta no relatório policial, durante a madrugada desta terça-feira, 28, dois homens armados invadiram a empresa e renderam o vigia e uma funcionária, que estavam no refeitório.

Como essa é a terceira vez em menos de 5 meses em que a empresa é assaltada, o vigia disse aos criminosos que a polícia estaria no local e os assaltantes desistiram do roubo e fugiram por um matagal.

Foto: Cristiano Alves/Agência 14 News

Os funcionários da empresa acionaram a PM, que de pronto foi até o local e durante o trajeto até a indústria localizou um veículo Ford Fiesta, no acostamento da Rodovia João Hipólito Martins, a Castelinho, com dois pneus furados.

Acionado reforço, foram localizados dois suspeitos dentro do veículo, que ao serem abordados passaram a apresentar versões contraditórias sobre o porquê de estarem ali e acabaram confessando que estavam participando do assalto contra a Anidro.

Segundo os dois detidos, mais 5 pessoas estariam no crime. Os suspeitos ainda delataram dois endereços onde o restante da quadrilha estaria escondida, mas ninguém foi encontrado. Um outro veículo, um Fiat Pálio, possivelmente usado no crime, também foi abandonado em um posto de combustíveis na Castelinho, já na entrada de Botucatu.

Os dois homens presos são da cidade de Santa Bárbara do Oeste e ficarão detidos no CDP de Itatinda para investigação e possível identificação dos outros integrantes do bando.

Alvo: Cafeína

No dia 30 de dezembro a Polícia Militar registrou na madrugada um caso de roubo na empresa Anidro do Brasil, situada na Rodovia Municipal Eduardo Zucari. Segundo consta, dois elementos armados e encapuzados invadiram um armazém da fábrica, renderam uma vítima que trabalhava pelo local e levaram aproximadamente 800 kg de cafeína.

O material estava acondicionado em diversas barricas, ou seja, pequenos barris. Do lado de fora, outros elementos aguardavam para o carregamento da carga roubada. Os bandidos ainda obrigaram o funcionário rendido a ajudar no carregamento.

A audácia foi tanta, que os elementos usaram dois veículos da própria empresa para transportar a carga roubada, sendo eles um VW Gol e um VW Saveiro. O caso foi apresentado à DIG (Delegacia de Investigações Gerais).

A Polícia Civil já está atuando no caso e acredita que os elementos chegaram a pé até o local. Posteriormente eles abandonaram os veículos da empresa e colocaram a carga em outros carros que ainda não foram identificados.

Outro caso

No dia 11 de setembro outra ocorrência foi registrada, desta vez como furto. Na oportunidade, seis homens invadiram a fábrica e foram direto ao local onde ficam armazenados sacos de cafeína em pó. Para ter acesso ao local, houve arrombamento.

O furto só foi percebido quando os ladrões passaram correndo pelo refeitório da empresa e dois funcionários viram a movimentação. Os criminosos estavam com 7 sacos, carregados nas costas, totalizando 175 quilos da substância. (veja abaixo valor de mercado).

Cafeína Anidra ou em pó

Cafeína Anidra é a cafeína na forma de pó, um estimulante do sistema nervoso central, que supostamente impede a sonolência e fadiga. É comumente usada em suplementos de perda de peso, porque o pó tem menor volume e pode ser facilmente integrado com outros pós em misturas proprietárias. O produto é encontrado em sites de vendas de suplementos e chega a custar R$ 500,00 o quilo.