Polícia Civil de Botucatu elucida caso de ‘falso sequestro’

 

Foto Acontece Botucatu

A DIG (Delegacia de Investigações Gerais) de Botucatu esclareceu nesta sexta-feira, 24, um caso de falso sequestro envolvendo um morador de Botucatu. Inicialmente a família procurou a Polícia Civil na quinta-feira, 23, para anunciar o desaparecimento de um homem.

O pai da suposta vítima disse que o filho tinha sido sequestrado e os supostos criminosos queriam uma quantia em dinheiro para liberá-lo. Foi então registrado um boletim de extorsão mediante sequestro e desaparecimento.

Os trabalhos foram conduzidos de imediato pelo Delegado Dr. Celso Olindo e sua equipe, com apoio da Polícia Militar BOPE de Goiás, estado onde foi localizado o homem que estava desaparecido. O Acontece Botucatu estava acompanhando o caso desde a quinta-feira.

Segundo a Polícia Civil de Botucatu, o caso foi elucidado e chegou-se a conclusão de que próprio filho estava extorquindo dinheiro dos pais, se fazendo vítima de sequestro e exigindo o dinheiro para sua “liberação”.

O homem foi localizado pela Polícia Militar em um hotel na cidade de Trindade, estado de Goiás, após diligências do Serviço de inteligência da Policia Civil de Botucatu. O Delegado Celso Olindo entrou em contato com os policiais militares daquele estado, que localizaram a pessoa em questão.

Ele foi apresentado na Delegacia de Polícia daquela localidade para providências judiciária cabíveis. O nome não foi divulgado pela Polícia para preservar a família vítima neste caso. O homem pode responder por falsa comunicação de crime, previsto no artigo 340 do Código Penal Brasileiro, além de extorsão.