Lavagem de dinheiro: homem é preso com mais de R$ 85 mil em veículo na Castelo Branco em Itatinga

A Polícia Rodoviária registrou na noite desta segunda-feira, 03, um caso de lavagem de dinheiro. Diz o boletim de ocorrência que durante fiscalização no combate a ilícitos penais pela SP 280, Rodovia Presidente Castello Branco, foi abordado no km 208 um veículo com placas de Sumaré.

Efetuada a abordagem e realizada a busca pessoal, nada de ilícito foi localizado em suas vestes. O abordado foi identificado e após questionamentos referentes sobre a viagem que fazia, primeiro alegou que foi realizar um serviço de manutenção, porém, devido ao tempo alegado, ficou claro ser pouco tempo para realização de qualquer trabalho que demandasse uma viagem longa.

Após isso, mudou a versão e informou que teria ido até Ourinhos para receber R$ 16.000,00 do deu primo, referente a venda de um automóvel, porém, não localizou o parente e nem fez contato com tal pessoa antes da viagem, nem por ligação telefônica, nem por meio de aplicativo de mensagens.

Sobre a localização da residência do primo, o abordado disse que não sabe o endereço, apenas que é próximo a linha férrea, ao lado de uma praça. Devido a essas inconsistências nas alegações, a Equipe do Tático Ostensivo Rodoviário-TOR decidiu por uma busca veicular minuciosa e foram localizados dois pacotes dentro de uma sacola plástica contendo grande quantidade de dinheiro.

Depois de contabilizado, chegou-se a importância de R$ 85.167,00. Dentro do veículo, no console, ainda foram localizados R$ 127,00. Questionado sobre o dinheiro localizado, o abordado alegou que seria de uma divisão de bem. O homem de 38 anos, morador de Sumaré, pelo detido pelo cometimento do crime de Lavagem dinheiro, conforme a lei nº 9613/98.

O abordado foi encaminhado à delegacia de plantão em Botucatu, onde foi lavrado o registro do flagrante, apreendido o dinheiro (R$ 85.294,00), um aparelho celular e o automóvel. O preso foi recolhido à carceragem local e aguardará a audiência de custódia.