Incêndio na região do aeroporto de Botucatu destruiu área de 360 mil m² de vegetação

 

Um incêndio de grandes proporções atingiu no final da tarde desta terça-feira, dia 10, uma área de mata na região do aeroporto, como já divulgado pelo Acontece Botucatu. Segundo o Subtenente Celestino, que atuou no combate às chamas, a área atingida foi de 360 mil m².

“Foi atípico pela quantidade das chamas. Foi uma área bastante extensa, que queimou vários locais ao mesmo tempo. Era um círculo gigantesco de fogo, com produção de fumaça bastante intensa e uma área de difícil combate, pois era muito extensa”, disse Celestino em entrevista à Rádio Criativa FM.

Essa foi a maior queimada dentro da área urbana do município este ano. Imagens enviadas ao Acontece Botucatu mostram as chamas consumindo uma área que compreende o Aeroporto, Embraer, Hospital Cantídio, Fundação Casa, SARADE, Roma Motel e Espaço da Mata.

É crime

O crime de incêndio ambiental está previsto no art. 41 da Lei Federal 9.605/98

Art. 41. Provocar incêndio em mata ou floresta:

Pena – reclusão, de dois a quatro anos, e multa.

Parágrafo único. Se o crime é culposo, a pena é de detenção de 6 (seis) meses a 1 (um) ano, e multa.

Também há previsão no artigo 250 do Código Penal

Situação crítica

Nestes meses mais frios do ano, é característica também a estiagem, longos períodos sem chuva. Com o tempo mais seco, as áreas verdes, em especial pastos e locais com vegetação esparsa ficam mais suscetíveis a incêndios.

Nos últimos seis meses foram atendidas pelo Corpo de Bombeiros e Defesa Civil mais de 300 ocorrências deste tipo. A maioria das ocorrências de incêndio em vegetação (fogo em mato) é causada por ação humana, ou seja, de forma intencional e criminosa.

Quem for flagrado incendiando terrenos ou áreas verdes do Município será penalizado através de multas aplicadas pela Guarda Civil Municipal e nas áreas rurais pela Policia Ambiental. Denúncias podem ser feitas através do telefone 199. O telefone do Corpo de Bombeiros para o atendimento de ocorrências é o 193.