Homens matam animal durante caça e são presos pela Polícia Ambiental em Botucatu

Polícia Militar Ambiental

A Polícia Militar Ambiental registrou na madrugada desta segunda-feira, dia 02, um flagrante de caça no Rio Pardo, em um ponto entre os municípios de Avaré e Botucatu. A ocorrência foi registrada por uma equipe de Avaré.

Segundo boletim, os policiais avistaram um veículo parado de forma suspeita e ao se aproximarem da mata, avistaram dois homens. Ambos tentaram fugir, mas foram capturados pelos Policiais Ambientais na ocorrência.

De acordo com o relatório policial, foram apreendidas duas espingardas calibre 28 e cinco cartuchos intactos, sendo um deles de calibre 36. Um dos cartuchos estava deflagrado e os caçadores abateram com a arma uma Paca.

Após revista minuciosa, os policiais foram até a casa de um dos acusados e lá encontraram coma arma de calibre 22 e outras armas brancas para caça. A ocorrência foi apresentada no Plantão da Polícia Civil em Botucatu.

Agora é lei em todo estado

Vale lembrar que na última semana o governador Márcio França sancionou o Projeto de Lei que proíbe a caça no Estado. De autoria do deputado estadual Roberto Tripoli, o texto do PL 299/18 estabelece que fica vedada a prática, em todas as modalidades, sob qualquer pretexto, forma e para qualquer finalidade, em todo o território paulista.