Homem é detido por uso de CNH falsa na Castelo Branco em Itatinga

A equipe do TOR – Tático Ostensivo Rodoviário, registrou na noite desta segunda-feira, 19, uma ocorrência de uso de documento falso. O fato ocorreu na Rodovia Castelo Branco, na praça de pedágio de Itatinga.

Durante fiscalização no combate a ilícitos penais, foi abordado um condutor e veículo. Após busca pessoal e veicular, foram solicitados os documentos dos ocupantes e do veículo, sendo que ao observar a CNH apresentada pelo condutor, foi possível verificar sinais de falsidade (pequeno desalinho na plastificação).

Ao consultar os dados do RG via PRODESP, verificou-se que a CNH estava suspensa no período de 08/06/2015 a 06/08/2017 e vencida em 19/07/2015. Questionado, o mesmo confessou que há seis meses foi ao DETRAN de São Paulo para resolver a situação da CNH e em contato com uma pessoa que se apresentou como funcionário do local, foi informado que por conta da pandemia, iria demorar muito tempo para a regularização da CNH.

Segundo o condutor, esse mesmo funcionário ofereceu a ele um espelho de CNH no valor de R$ 1.500,00, pedindo para retirar a CNH em uma banca de jornais próximo ao Detran no outro dia.

Diante dos fatos, foi dada voz de prisão em flagrante ao condutor pelo cometimento do crime de uso de documento falso, Art. 304 do C.P. Ele foi encaminhado ao Plantão de Polícia Civil de Botucatu. O veículo foi liberado para um condutor habilitado.