GPA registra infrações ambientais em Botucatu

 

O Grupo de Proteção Ambiental da GCM registrou nesta segunda-feira, dia 28, algumas infrações ambientais. O Inspetor Carlos e o GCM Dias do Grupo de Proteção Ambiental (GPA), atenderam a um corte irregular de arvore, onde o responsável pelo ato alegou que a árvore poderia danificar o toldo de seu trailer e desconhecia a necessidade de autorização para a retirada da arvore. O fato ocorreu no Jardim Continental.

O outro fato registrado foi um anelamento (prática da retirada da casca de uma parte do tronco para que a arvore seque e morra) em uma árvore de grande porte situada na Rua General Telles, área central de Botucatu. O proprietário da residência onde se encontra a referida árvore alegou não saber quem realizou o anelamento, porém, de acordo com o mesmo, já solicitou a autorização para a retirada da arvore, mas lhe foi negado.

Em ambos os casos os responsáveis foram orientados e os fatos encaminhados à Secretária do Verde para as providencias cabíveis.