GCM já registrou mais de mil veículos abandonados em Botucatu

 

A Guarda Civil Municipal (GCM) já registrou aproximadamente mil veículos em estado de abandono, conforme prevê a Lei Municipal 5.442/2013, que foi implantada na cidade no início de 2014. Os carros abandonados são notificados e os proprietários têm um prazo de 10 dias para providenciarem a remoção dos veículos, sob pena de terem o bem recolhido ao pátio.

O proprietário também terá que arcar com o pagamento de multa no valor de R$200,00 e custos com guincho e diárias. Se o veículo não for retirado em 90 dias será leiloado e a arrecadação cobrirá os gastos.

Segundo o subcomandante da GCM, Weber Plácido Pimentel, a operação é realizada constantemente pela instituição “Trata-se de uma questão de segurança, pois muitas vezes esses veículos acabam sendo utilizados por bandidos para esconder entorpecentes e outros tipos de produtos ilícitos, além de ser uma questão de saúde, visto que acumulam água tornando-se possíveis criadouros para o mosquito da dengue. A ideia principal é deixar a cidade limpa e segura”, afirma.

De acordo com a lei, a situação de abandono é caracterizada quando o veículo permanece estacionado no mesmo local da via ou logradouro público por mais de 15 dias consecutivos. “O importante é que apenas 74 veículos foram recolhidos destes 1.000 casos registrados, já que nos demais os carros foram retirados pelos próprios proprietários ou responsáveis”, explica Pimentel.