GAPE prende em Botucatu procurado por roubo em lotérica

 

Na manhã desta segunda-feira, dia 27, os guardas civis municipais Trombaco, Dias e Alves, do Grupo de Ações Preventivas Especiais (GAPE), prenderan um homem de 30 anos em Botucatu. O fato ocorreu durante patrulhamento no Jardim Monte Mor.

O preso foi condenado com uma pena de 6 anos, 6 meses e 12 dias pelo crime de roubo, ocorrência registrada em 2011 durante assalto em uma lotérica na cidade de Bofete. Na época houve troca de tiros com a polícia, sendo um indivíduo baleado e outros foragidos.

Esse indivíduo preso pelo GAPE estaria usando o nome do irmão nas abordagens policiais para tentar ludibriar as Forças de Segurança, mas hoje caiu em contradição e foi conduzido à DIG. Ele será encaminhado ao Sistema Penitenciário Paulista para cumprir a pena que foi imposta.