Funcionário agride proprietários de marcenaria após discussão e foge

A Polícia Militar registrou no início da noite desta terça-feira, 12, um caso de lesão corporal no Parque Residencial Convívio. As vítimas são dois homens, de 62 e 41 anos, respectivamente pai e filho.

As vítimas são proprietários de uma marcenaria no bairro e o autor citado em boletim de ocorrência é um funcionário registrado. Diz boletim de ocorrência que um dos proprietários foi chamar a atenção do funcionário por motivos de trabalho, quando começaram a discutir.

O autor ficou alterado e empurrou o pai da vítima, que veio a cair no chão machucando os joelhos. Em seguida houve luta corporal entre o filho do proprietário e o autor.

Ainda de acordo com o documento da PM, em um determinado momento o autor pegou uma pedra grande e jogou na direção da vítima, acertando sua cabeça. Após o fato autor fugiu do local correndo.

O homem foi levado até o pronto-socorro adulto onde foi recebido e recebeu uma sutura de 12 pontos na cabeça. As vítimas fizeram exames corporais no IML e o caso terá sequência na Polícia Civil.