Corregedoria da Fundação CASA instaura sindicância após tentativa de fuga e rebelião em Botucatu

Polícia
Corregedoria da Fundação CASA instaura sindicância após tentativa de fuga e rebelião em Botucatu 16 novembro 2021

 

A Corregedoria Geral da Fundação CASA instaurou sindicância para apurar uma tentativa de fuga na noite de segunda-feira, 15. Internos se rebelaram ainda sem uma justificativa divulgada.

Inicialmente os internos fizeram quatro funcionários como reféns de início, segundo apurado pelo Acontece Botucatu no local. Após um período de tensão, os reféns foram liberados.

Diversas viaturas da Polícia Militar se posicionaram do lado de fora para uma possível contenção. A PM é proibida de entrar, ficando apenas do lado externo para conter possível fuga. A Fundação Casa é de responsabilidade da Secretaria estadual de Justiça e Cidadania.

Uma vistoria foi realizada nas celas por agentes do GIR (Grupo de Intervenção Rápida), destacamento próprio da Fundação Casa, que compareceram na unidade para conter a situação.

Um interno foi levado pelo Samu após sentir mal-estar durante a confusão, mas também sem gravidade. Segundo a Fundação Casa, apenas sete adolescentes dos 53 jovens que atualmente são atendidos no local participaram do movimento.

Na tentativa de conter os adolescentes, dois servidores tiveram escoriações leves. Os jovens envolvidos deverão passar por avaliação e poderão sofrer sansões disciplinares.

Confira abaixo nota da Fundação Casa enviada ao Acontece Botucatu

“A Corregedoria Geral da Fundação CASA instaurou sindicância para apurar uma tentativa de fuga ocorrida por volta das 20h10 da última segunda (15/11), no centro socioeducativo de Botucatu. A situação foi pontual e envolveu apenas sete adolescentes dos 53 jovens que atualmente são atendidos no local. A tentativa de fuga frustrada foi resolvida pelos próprios servidores e a situação foi controlada após 30 minutos, com o apoio da equipe de suporte e do diretor. Na tentativa de conter os adolescentes, dois servidores tiveram escoriações leves. Os jovens envolvidos deverão passar por avaliação e poderão sofrer sansões disciplinares. Os familiares e o judiciário serão comunicados da ocorrência”

Compartilhe esta notícia
Oferecimento
BERIMBAU INST DESK
FREIRE MOTOS
Oferecimento

Veja também

Oferecimento
VISTORI
SHOPPING INSTITUCIONAL
INSTITUCIONAL ELO
EXAME TOXICOLOGICO