Caso de cachorros presos em poste choca protetores em Botucatu; Vigilância emite nota

Polícia
Caso de cachorros presos em poste choca protetores em Botucatu; Vigilância emite nota 05 outubro 2017

 

Fato chocou Botucatu

As imagens que o Acontece trouxe na manhã desta quinta-feira, dia 05, chocaram a cidade de Botucatu. Um leitor do Acontece Botucatu flagrou uma situação de maus-tratos, quando 8 cachorros foram amarrados em um poste, na Avenida Itália, região do Lavapés, em uma praça perto da garagem municipal.

Nesse caso, um animal morreu, provavelmente enforcado. Três fugiram assustados e outros foram recolhidos pela zoonoses, já disponíveis para adoção. O caso repercutiu entre ONGs e pessoas que militam na causa animal.

Para Luciana Cruz, protetora independente, a culpa não é de apenas uma pessoa. Ela cobra leis mais rígidas e um acesso mais facilitado aos serviços de castração no município.

“Dia 07 próximo, faz seis meses que aguardamos essas tais leis de punição para esses casos. Me doí na alma pensar no sofrer que esses seres passaram até chegar nessa situação. Penso que possivelmente seria mais um caso em que o município tem sua distribuição indiscriminada de verbas, não de forma efetiva. Mais uma família que foi negligenciada com castração gratuita, não conseguem castrar, pedem ajuda e não tem. Daí nascem filhotes e a solução é com a maldade, crueldade de um tutor sem amor. Pra mim estão todos errados. Desde o município, que não tem leis pra esse tipo de caso e que se tornou exemplar nos maus tratos até os tutores irresponsáveis. Leis e assistência se fazem mais que necessárias. Dois animais mortos e sabe-se lá o que passaram até chegar no poste”, desabafa Luciana Cruz.

Um cachorro morreu; filhotes foram adotados

Chocada com o fato, a protetora Juliana Gramuglia Fávero lamentou a crueldade. Ela frisou que a pessoa que fez isso poderia ter procurado ajuda de protetores, pessoas que nunca se negaram em conseguir um ambiente melhor para cães e gatos em Botucatu.

“Só penso que quem fez uma crueldade dessa poderia ter pedido ajuda, não custava e não precisava de tanta crueldade. Nós protetores estamos sempre dispostos a ajudar, correr atrás, procurar quem adote, ajudar com remédios e ração, enfim, vivemos para ajudar. Não posso imaginar o que esses animais passaram. Sinceramente espero que o culpado seja encontrado e punido. Precisamos de uma legislação mais rígida, urgente”. lamentou.

Muitas vezes algumas pessoas até possuem conhecimento de maus-tratos, mas por medo, se calam. Weber Pimentel, Subcomandante da Guarda Civil Municipal, destaque o canal de atendimento para denúncias, que podem ser anônimas.

“A GCM atende casos de maus-tratos contra animais juntamente com o Canil Municipal. Qualquer denúncia pode ser feita no telefone 199, que será verificada. Caso alguém tenha denúncia sobre o fato ocorrido, a pessoa poderá ligar anonimamente na GCM, que iremos averiguar”, frisa.

Vigilância emite nota e afirma que vai registrar Boletim de ocorrência

“Assim que tomou conhecimento da denúncia, por volta das 6 horas da manhã, uma equipe da Unidade de Vigilância de Zoonoses foi até o local, juntamente com uma equipe do Corpo de Bombeiros, para resgatar os animais. Ao desprendê-los do poste, 3 animais fugiram.

A equipe de Zoonoses verificou que um desses animais morreu, aparentemente enforcado pelo material que os mantinham amarrados. Ao todo, foram resgatados 5 cães. Os animais foram recolhidos, passaram por avaliação clínica e estão aptos para adoção.

A Unidade de Vigilância de Zoonoses registrará um Boletim de Ocorrência para que os órgãos competentes tomem as medidas cabíveis e a possível identificação do responsável pelos maus-tratos. A Unidade de Vigilância de Zoonoses afirma ainda a importância da posse responsável por parte dos proprietários de animais domésticos no Município”, diz a nota da VAS.

Relembre o caso 

Denúncia: Um leitor do Acontece Botucatu flagrou na manhã desta quinta-feira, dia 05, uma situação de maus-tratos em Botucatu. Nove cachorros foram amarrados em um poste, na Avenida Itália, região do Lavapés, em uma praça perto da garagem municipal.

Segundo a testemunha, que não quis se identificar, um deles não resistiu e morreu por enforcamento. O Corpo de Bombeiros foi até o local e soltou os animais. O vídeo enviado para o Acontece mostra o sofrimento dos animais.

Entre os cachorros, 4 filhotes foram recolhidos pela zoonoses. Se você tiver informações sobre o caso pode ligar para os telefones das forças de segurança e denunciar o caso. Polícia Militar (190), Guarda Municipal (199) e Polícia Civil (197). Veja o vídeo.

 

 

 

 

 

Compartilhe esta notícia
Oferecimento
BERIMBAU INST DESK
Oferecimento