Bombeiros combatem fogo em grande área perto do Distrito Industrial 3 de Botucatu

O Corpo de Bombeiros registrou na tarde deste sábado, dia 21, um grande incêndio em vegetação em uma área próxima ao Distrito Industrial 3 em Botucatu, na estrada do Araquá.

Segundo apurou o Acontece Botucatu, no local os Bombeiros combateram por 4 horas as chamas em um cafezal. O fogo causou enorme prejuízo aos proprietários da área.

Foram necessários 16 mil litros de água para combater as chamas, segundo disse no vídeo acima o Sargento Wilson Ferrari, que comandou a operação. Uma área superior a 30 mil m2 foi destruída na ação que provavelmente teve origem criminosa.

Estiagem

Nestes meses do ano são registrados longos períodos de estiagem, ou seja, sem chuva. Com o tempo mais seco, as áreas verdes, em especial pastos e locais com vegetação esparsa ficam mais suscetíveis a incêndios.

Nos últimos seis meses foram atendidas pelo Corpo de Bombeiros e Defesa Civil mais de 300 ocorrências deste tipo. A maioria das ocorrências de incêndio em vegetação (fogo em mato) é causada por ação humana, ou seja, de forma intencional e criminosa.

Quem for flagrado incendiando terrenos ou áreas verdes do Município será penalizado através de multas aplicadas pela Guarda Civil Municipal e nas áreas rurais pela Policia Ambiental. Denúncias podem ser feitas através do telefone 199. O telefone do Corpo de Bombeiros para o atendimento de ocorrências é o 193.

É crime

O crime de incêndio ambiental está previsto no art. 41 da Lei Federal 9.605/98

Art. 41. Provocar incêndio em mata ou floresta:

Pena – reclusão, de dois a quatro anos, e multa.

Parágrafo único. Se o crime é culposo, a pena é de detenção de 6 (seis) meses a 1 (um) ano, e multa.