Guarda Municipal atende caso de perturbação de sossego em Hospital

Arquivo Acontece Botucatu

A Guarda Civil Municipal de Botucatu registrou na última quarta-feira, 12, uma ocorrência de perturbação de sossego. Compareceram ao Hospital Regional os guardas Belo e Stamponi, após receberem uma denúncia de que dois homens estariam causando problemas no local e atrapalhando o funcionamento da unidade, situação essa confirmada com a chegada da GCM no local.

Sem motivo aparente, os dois indivíduos, visivelmente alterados, gritavam no interior do local e atrapalhavam inclusive os atendimentos prestados na unidade. Após serem abordados, o sistema de consulta acusou que um dos suspeitos tinha pendências com a justiça, o que fez com que ambos fossem conduzidos até a Delegacia de Investigações Gerais de Botucatu para uma melhor averiguação.

Na Delegacia, a pendência judicial acabou não sendo confirmada, o que fez com que ambos acabassem enquadrados apenas na Lei de Contravenções Penais, artigo 42, que trata da Perturbação do Trabalho ou Sossego Alheios. Uma representante do hospital também esteve na DIG e depois de ouvidas as partes, todos foram liberados. Ambos os indiciados são moradores da cidade de Porangaba.