Salário mínimo paulista passa a ser de R$ 1.183,33 em abril

Nacionais
Salário mínimo paulista passa a ser de R$ 1.183,33 em abril 20 março 2019

O governo paulista sancionou o novo piso salarial regional no estado, que, a partir de 1º abril, passa a ser de R$ 1.163,55. O valor supera o do salário mínimo nacional – R$ 998 – em 15%.

De autoria do Executivo, a proposta que elevou o salário mínimo do estado tramitou em regime de urgência na Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp) e foi aprovada no dia 12 deste mês. O aumento no piso paulista foi de 4,97%.

Segundo a Secretaria de Desenvolvimento Econômico do estado, o índice de reajuste teve como base a inflação medida pelo Índice de Preços ao Consumidor (IPC) da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) da Universidade de São Paulo (USP), acumulado de novembro de 2017 a outubro do ano passado, que foi de 3,63%, e o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) previsto de 2018, em torno de 1,3%.

“O piso salarial regional do estado de São Paulo contribui para que os trabalhadores paulistas recebam remunerações superiores ao salário mínimo nacional, já que as condições da demanda de mão de obra e de custo de vida no estado levam, de um modo geral, a salários superiores à média nacional”, diz o governo paulista em nota.

Em São Paulo existe ainda um segundo salário piso, que, a partir de 1º de abril, passará a ser R$ 1.183,33. Esse piso é válido para algumas funções específicas: administradores agropecuários e florestais, trabalhadores de serviços de higiene e saúde, chefes de serviços de transportes e de comunicações, supervisores de compras e de vendas, agentes técnicos em vendas e representantes comerciais, operadores de estação de rádio e de estação de televisão, de equipamentos de sonorização e de projeção cinematográfica e técnicos em eletrônica.

Agência Brasil

Compartilhe esta notícia
Oferecimento
FREIRE MOTOS
BERIMBAU INST DESK
Oferecimento

Veja também

Oferecimento
VISTORI
SHOPPING INSTITUCIONAL
INSTITUCIONAL ELO
EXAME TOXICOLOGICO