SP prorroga prazo para vacinação contra febre aftosa no estado

Geral
SP prorroga prazo para vacinação contra febre aftosa no estado 02 junho 2020

Criadores têm até dia 30 deste mês; cerca de 65% do rebanho já foi imunizado

A Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo prorroga, excepcionalmente, para 30 de junho, os prazos para vacinação de bovinos e bubalinos contra febre aftosa e para vacinação das fêmeas bovinas e bubalinas contra a brucelose. A Resolução SAA-25 foi publicada no Diário Oficial do Estado no sábado (30 de maio).

Os prazos para entrega da declaração da vacinação da etapa de maio contra a febre aftosa e para a comprovação da vacinação contra brucelose realizada durante o primeiro semestre de 2020 ficam excepcionalmente prorrogados para o dia 31 de julho de 2020.

A Resolução estabelece também que fica igualmente prorrogado para o dia 31 de julho de 2020 o prazo para a entrega do certificado de vacinação contra a brucelose e aftosa junto aos estabelecimentos de beneficiamento de leite ou produtos lácteos e entrepostos de leite, entre outros congêneres.

Números

Dados extraídos no dia 29 de maio do sistema Gestão de Defesa Animal e Vegetal (Gedave) mostram que até aquela data 6.669.785 bovinos e bubalinos (64,86%) do total do rebanho de 10.283.235 bovídeos envolvidos na etapa haviam sido vacinados. No sistema estão cadastradas 122.937 propriedades com bovídeos, das quais 66.095 (53,76%) haviam declarado a vacinação de seus animais.

O Gedave é o sistema informatizado da Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, gerenciado pela Coordenadoria de Defesa Agropecuária, que é o órgão responsável por zelar pela sanidade dos rebanhos de peculiar interesse, com atuação em 40 escritórios regionais (EDAs).

Compartilhe esta notícia
Oferecimento
BERIMBAU INST DESK
FREIRE MOTOS
Oferecimento

Veja também

Oferecimento
VISTORI
SHOPPING INSTITUCIONAL
INSTITUCIONAL ELO
EXAME TOXICOLOGICO