Sindplus não apresenta lista de conveniados e perde Vale-Alimentação dos Servidores Municipais

Solucard presta o serviço atualmente e ficou em terceiro na licitação

A empresa Sindplus, que venceu a licitação para o Vale-Alimentação dos Servidores Municipais de Botucatu, não respeitou o prazo previsto em edital para apresentar os supermercados credenciados, não apresentou sua lista e está fora do processo, segundo informações apuradas pelo Acontece Botucatu junto à Copel (Comissão Permanente de Licitações). A empresa venceu a licitação no dia 04 de junho e a partir do dia 08 tinha dez dias para cumprir esse item exigido.

Com isso, a segunda colocada no certame licitatório, a Verocheque, será convocada para seguir os mesmos trâmites. Lembrando que a Sindplus venceu por oferecer a melhor proposta, que era o maior repasse ao Fundo Social de Solidariedade. A primeira colocada ofereceu 7,1%, a Verocheque, segunda colocada, apresentou 6,8% e em terceiro a Solucard oferecendo 3% de repasse.

Agora a Verocheque terá que apresentar a mesma lista e manter valor ofertado. Caso ela não cumpra os pontos exigidos na licitação, será chamada a terceira colocada, a Solucard, que já presta o serviço, mas que seria obrigada a ampliar sua reduzida carta de grandes redes conveniadas.

De qualquer forma, a Prefeitura consegue na licitação quebrar uma enorme barreira de muitos anos, ou seja, que o cartão seja aceito em outras grandes redes e não apenas em uma. Essa conquista virá independentemente de quem vencer a licitação.

Relembre o caso

A Prefeitura de Botucatu realizou na segunda-feira, dia 04 de junho, um pregão visando a contratação do chamado Vale-Alimentação dos servidores municipais. O serviço é feito atualmente pela empresa Solucard.

Divulgação internet

Segundo apurou o Acontece Botucatu com a Copel (Comissão Permanente de Licitações) e Secretaria de Gestão e Planejamento Estratégico, a empresa Sindplus foi classificada em primeiro lugar ao ofertar a melhor proposta. Nesse caso, o maior percentual repassado ao Fundo Social de Solidariedade (7,51%), conforme o edital. Em segundo ficou a Verocheque que apresentou 6,8% e em terceiro a Solucard oferecendo 3% de repasse.

Agora a Prefeitura de Botucatu aguardará o prazo de 10 dias úteis após a homologação, que deverá ocorrer na próxima sexta-feira, dia 08. Esse é o prazo que empresa vencedora terá para apresentar sua rede de estabelecimentos credenciada.

Um ponto importante, é que a Sindplus será obrigada a apresentar uma lista com pelo menos 60% de grandes redes de supermercados conveniadas, um ponto crucial constante no edital. Essa era uma reclamação antiga dos servidores, que tinham poucas opções de compra em Botucatu. Atualmente aproximadamente 3 mil funcionários recebem o vale-alimentação.