Ricardo Salaro diz que ainda vai lutar para retornar ao cargo de Prefeito de São Manuel

Arquivo Acontece Botucatu

O ex-Prefeito de São Manuel Ricardo Salaro se pronunciou na tarde deste sábado, dia 20, após decisão do Tribunal de Justiça que negou recurso pedindo sua imediata recondução ao cargo de Prefeito de São Manuel. O caso é polêmico e ainda não teve um desfecho definitivo.

Em nota distribuída à imprensa, Salaro disse que ainda há razões de mérito que não foram analisadas pela Justiça por conta do recesso forense. Ele reforça em sua fala que foi eleito Prefeito de São Manuel de forma democrática.

O Tribunal de Justiça de São Paulo negou na tarde desta sexta-feira, dia 19, recurso do ex-Prefeito de São Manuel, Ricardo Salaro Neto, que tentava reconduzi-lo ao cargo de chefe do Poder Executivo após sua cassação em outubro de 2017.

Essa foi a segunda tentativa de Salaro voltar à Prefeitura. Em novembro, sua defesa tentou em primeira instância reverter decisão da Câmara Municipal. Na oportunidade a justiça de São Manuel negou recurso apresentado.

O agravo de instrumento foi julgado pela 10ª Câmara de Direito Público e a sentença foi proferida pela juíza Teresa Ramos Marques, relatora do caso no TJ. O julgamento teve a participação dos Desembargadores Antônio Celso Aguilar Cortez (Presidente sem voto), Paulo Galizia e Antônio Carlos Villen.

Polêmica cassação

Ricardo Salaro Neto teve seu cargo cassado no dia 20 de outubro, após uma Comissão Processante que apontava irregularidades no pagamento a uma empresa na construção de uma creche. Foi a primeira vez na história de São Manuel que um prefeito foi cassado.

O ex-Prefeito é representado pelo advogado botucatuense Eduardo Rodrigues Torres, que o representou na sessão que cassou seu mandato em outubro passado. Lembrando que não houve manifestação do Tribunal de Contas para recomendação de improbidade administrativa que levasse a Câmara a julgá-lo.

Ricardo Salaro foi eleito pelo PPS em outubro de 2016 por maioria esmagadora dos votos, obtendo 15.223, ou seja, 66.83%. Seu adversário, o até então Prefeito Marcos Monti, teve pouco mais de 5 mil votos.

Confira a nota de Ricardo Salaro:

Recebo com serenidade e respeito a decisão emanada pelo Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, que rejeitou meu requerimento de recondução imediata ao cargo que fui honrosa e democraticamente eleito para representar a população São Manuelense até o ano de 2020.

Entretanto, as razões de mérito ainda não foram apreciadas em razão do recesso judicial. Mesmo que estejamos neste momento, impedidos de exercer nossas atribuições, não nos subordinaremos à injustiça. Nos próximos dias, levaremos ao judiciário elementos incontroversos do atentado à democracia sofrido não somente por mim, mas por nossa gente.

Acima de tudo, tenho compromisso com os 15.223 cidadãos que confiaram seu voto em um projeto de mudança. E em respeito aos mais de 40.000 filhos desta terra, não recuarei um passo sequer enquanto a justiça não triunfar. Para mudar, é preciso transformar e nós não vamos desistir da transformação!

Ricardo Salaro – Prefeito Municipal de São Manuel democraticamente eleito com 15.223 votos para gestão 2017-2020.