Professores Dirceu Fernandes e Caio Carbonari tomam posse na FCA/Unesp

Geral
Professores Dirceu Fernandes e Caio Carbonari tomam posse na FCA/Unesp 30 janeiro 2021

Novo diretor reafirma compromisso com a excelência nas atividades da Faculdade.

Em solenidade restrita realizada nesta sexta-feira (29 de janeiro) na Fazenda Experimental Lageado, os professores Dirceu Maximino Fernandes e Caio Antonio Carbonari tomaram posse como diretor e vice-diretor da Faculdade de Ciências Agronômicas (FCA) da Unesp, câmpus de Botucatu, para o próximo quadriênio. A cerimônia, presidida remotamente pelo professor Pasqual Barretti, reitor da Unesp, obedeceu a todos os protocolos sanitários para garantir a segurança dos presentes no contexto da pandemia de Covid-19.

O evento foi transmitido pelo YouTube e acompanhado por diretores e vice-diretores das demais unidades universitárias da Unesp, além de servidores docentes, técnico-administrativos e alunos da FCA.

O professor Carlos Frederico Wilcken, diretor cessante da FCA, foi o primeiro a fazer uso da palavra. Agradeceu colaboradores mais próximos e familiares, fez um balanço de seus quatro anos à frente da Diretoria e fez votos de uma boa gestão aos professores Fernandes e Carbonari.

“Agradeço profundamente o apoio e a compreensão de todos os membros da nossa comunidade durante esses quatro anos. Caros Dirceu e Caio, a missão de vocês não será fácil, mas, com a certeza do apoio de nossa comunidade, vocês cumprirão sua tarefa. Contem sempre comigo na sua nova jornada. Estarei sempre à disposição para ajudar a FCA a manter a excelência em ensino, pesquisa e extensão”.

Após a leitura do termo de posse pelo professor Erivaldo Antonio da Silva, secretário-geral da Unesp, o professor João Carlos Cury Saad, ex-diretor da FCA, fez uso da palavra em nome da Congregação da Faculdade. Ele agradeceu o professor Wilcken pela dedicação no cargo de diretor.

“Os desafios políticos econômicos de nosso país, acrescidos do cenário inusitado trazido pela pandemia, encontraram na direção da FCA uma liderança comprometida, responsável e um gestor experiente, competente, democrático e proativo. Agradecemos sua dedicação e seu esforço cotidiano para que as atividades fim acontecessem da melhor maneira possível”.

O professor Saad também deixou sua saudação aos novos dirigentes. “Cada época tem os seus desafios. Além da crise econômica que impede a tão necessária reposição de docentes e servidores técnico-administrativos, os tempos atuais são sombrios. Pandemia, desgoverno, fake news, negacionismo, desprezo pela vida e pela ciência. Tempos que testam nossa esperança e nossa determinação. No entanto, nossa comunidade tem a confiança que escolhemos os gestores adequados para esse momento e que iremos, juntos, superar esses desafios. Muito obrigado por aceitarem essa nobre missão. Que vocês tenham sabedoria e possam colher bons frutos no futuro. Contem sempre com a Congregação da FCA”.

Em seu primeiro discurso como diretor da FCA, o professor Dirceu agradeceu colegas de trabalho, amigos, familiares, os que o antecederam na função desde a criação da FCA e reafirmou seus compromissos com a instituição.

“É com satisfação e elevado senso de responsabilidade que eu e o professor Caio Carbonari assumimos a direção da FCA. Desejamos ser movidos pelo ideal de servir e fazer o melhor pela Faculdade. Agradecemos o apoio e a confiança da nossa comunidade universitária. Esperamos ser dignos dessa confiança durante nossa gestão. A FCA é uma instituição reconhecida no país e internacionalmente pela qualidade dos profissionais que nela são formados, assim como pelos impactos das pesquisas e atividades de extensão. Nossa proposta é buscar sempre a manutenção da excelência da FCA. Faremos isso com diálogos e esforços coletivos. Reiteramos o compromisso da Faculdade com os princípios universitários e nossas especificidades dentro das ciências agrárias e biotecnológicas para formar profissionais de qualidade que atendam as demandas da sociedade”.

Salientando que as instituições são formadas por pessoas, o novo diretor afirmou: “O desafio de administrar a FCA é compensado pela qualidade das pessoas que aqui trabalham e estudam. Na FCA, a continuidade de projetos e ações ao longo das gestões que se sucedem garante que os mesmo sejam sempre concluídos. Nossa responsabilidade será manter essa continuidade aliando o respeito pelas normas fiscal e orçamentária, com planejamento e busca de inciativas inovadoras para gerirmos a FCA com a mesma competência das diretorias que nos antecederam. Atuaremos sempre pautados pelo diálogo e o respeito às instâncias institucionais, com espírito de dedicação ao trabalho e respeito ao trabalho em equipe e retidão ética”.

O discurso do professor Pasqual Barretti, reitor da Unesp, encerrou a cerimônia. “Agradeço os novos dirigentes pela determinação e postura cidadã, enfrentando o desafio de dirigir uma Faculdade cuja grandeza extrapola as divisas do Estado e do país. Competência e sentimento de pertencimento para com a FCA não lhes faltarão. Os desafios que temos, vocês e eu, pela frente são muito grandes. Mas confio que sejamos capazes de superá-los”.

O reitor da Unesp falou sobre o atual cenário de crise brasileira e a necessidade de superá-lo. “Hoje, vivemos a maior crise sanitária da história num país sem rumo. Devemos mais do que nunca sermos agentes de transformação da nossa sofrida sociedade que, com seu trabalho, financia as universidades públicas de São Paulo. Não podemos nos conformar com a desastrosa onda de ataques a direitos sociais no Brasil. Assistimos diariamente a negacionismo, ataques à imprensa, à ciência, às universidades, às ciências humanas, a disseminação de fake news, os ataques ao sistema eleitoral brasileiro, a falta de compromisso social, a ação de apoiadores fanáticos e violentos, o descaso com a vida, a zombaria com as 220 mil vidas perdidas na maior pandemia da história. Esse câmpus foi um notável cenário de resistência à ditadura e cresceu pela luta diuturna de seus estudantes, professores e servidores. A união de todos pela ciência, pelo ensino público gratuito e de qualidade, pelos direitos humanos, pelo direito à saúde e à vida nos farão caminhar juntos para que tenhamos de volta nossa tão saudosa normalidade de forma a garantir nossos bens maiores: a democracia, a liberdade e a vida. Desse reitor, esperem atuação firme e propositiva para construirmos uma Unesp que seja cenário de diálogo, respeito, confiança, acolhimento e pluralidade. Certamente isso também se dará na FCA e no câmpus de Botucatu”.

Compartilhe esta notícia
Oferecimento
FREIRE MOTOS
BERIMBAU INST DESK
Oferecimento

Veja também

Oferecimento
VISTORI
SHOPPING INSTITUCIONAL
INSTITUCIONAL ELO
EXAME TOXICOLOGICO