Professor da Unesp de Botucatu participa de episódios de série do canal Netflix

A Netflix lançou um programa sobre animais potencialmente perigosos do mundo. A série “72 animais perigosos da América do Sul”, colocada no ar para os assinantes nesta semana, traz várias curiosidades sobre os bichos do Brasil.

São 12 capítulos. Vidal Haddad Junior, professor da Faculdade de Medicina da Unesp de Botucatu, gravou participação em alguns deles, especialmente os de número 1, 3 e 6.

Felinos selvagens, aracnídeos indestrutíveis e víboras que decompõem as suas presas são algumas das criaturas mais mortíferas da América Latina retratadas nesta série, segundo o Netflix.