Pandemia gera forte queda no número de passageiros do transporte rodoviário em Botucatu

Queda na venda de passagens em Botucatu e região, segundo a Artesp

Foto BBG Engenharia

As principais cidades do centro-oeste paulista registraram queda no número de passageiros no transporte rodoviário durante esses meses de pandemia. Segundo um levantamento feito pela Agência de Transporte do Estado de São Paulo (Artesp), essa queda na região é reflexo do que acontece em todo o estado.

De acordo com o levantamento da Artesp, de janeiro a junho de 2020, a queda doi de 52,47% no número de passageiros e de 46,64% nas viagens realizadas no serviço rodoviário regulado pela agência, em comparação com o mesmo período do ano passado.

Ainda segundo a Artesp, de março a junho houve uma redução significativa devido ao isolamento social. O número de passageiros nesses meses sofreu decréscimo de 78,83%.

A queda mais relevante foi em junho, quando foram transportados 100.070 passageiros frente a 3.348.634 passageiros no mesmo período de 2019. A redução foi de aproximadamente 97,1%.

Em Botucatu, no mês de abril deste ano foram transportados 12.415 passageiros. Em 2019, no mesmo período, o número registrado foi de 89.737 passageiros.

O mês de maio também mantém o mesmo cenário de queda, sendo que neste ano foram transportados 12.507 passageiros e, em 2019, no mesmo período, o número chegou a 93.885 passageiros.

Em junho deste ano foram transportados 16.517 passageiros. No ano passado, no mesmo período, o número chegou a 84.174 passageiros. Em Botucatu, a queda total nos três meses foi de 15%.

Informações portal G1