Nova licitação vai contratar mais 3 mil castrações animais

A Prefeitura de Botucatu abrirá mais um processo licitatório na próxima semana, com o objetivo de oferecer serviço gratuito de castração para cães e gatos. Serão contratados 3 mil procedimentos, sendo mil para gatos e dois mil para cachorros.

A contratação do serviço visa ampliar e melhorar o atendimento a cães e gatos na Cidade, demonstrando o compromisso do Poder Público Municipal com a causa animal.

Em 2017, o repasse do Poder Público para a castração de cães e gatos foi de aproximadamente R$140 mil a duas associações que ficaram responsáveis pelo serviço. Para 2018, a Prefeitura já havia contratado 1,6 mil castrações (600 para gatos, 700 para cães de até 15 kg e mais 300 para cães acima de 15 kg).

A partir da nova contratação, a previsão é que as castrações sejam oferecidas ainda neste ano.

“A causa animal é uma questão que sempre nos preocupou bastante. Graças a Deus conseguimos uma grande melhoria com essa licitação, ampliando o número de castrações com relação ao último ano e com um preço menor, sem perder a qualidade do serviço. Agora, vamos ampliar ainda mais este atendimento gratuito”, afirma o Prefeito Mário Pardini.

Os proprietários que querem castrar seus animais de estimação, devem entrar em contato com a Secretaria do Verde pelo telefone 3882-1290 e preencher a ficha de inscrição. Quem já preencheu a ficha em outras oportunidades já está na fila para o procedimento. A equipe da Secretaria do Verde entrará em contato com os proprietários dos animais, passando a data e local da castração, assim como o preparo necessário para o procedimento.

Unidade Móvel de Castração aguarda liberação para funcionar

Outra ferramenta que ampliará o serviço de castração em Botucatu é a Unidade Móvel de Castração. O ‘trailer’ é equipado com os recursos necessários para o atendimento a cães de pequeno, médio e grande porte, e gatos.

A Unidade Móvel de Castração foi doada pela empresa Bravo Carretas à Prefeitura em abril deste ano e desde então o equipamento tem passado por avaliações do Conselho Regional de Medicina Veterinária (CRMV).

“Este tipo de Unidade é uma novidade nesta área e por isso temos que seguir algumas exigências para colocá-lo em funcionamento. Assim que recebemos este equipamento, passamos por uma primeira avaliação do CRMV, que apontou algumas mudanças necessárias. As alterações foram feitas e encaminhamos para uma nova avaliação, que indicou novas alterações. Já providenciamos as alterações e estamos esperando o Conselho aprovar o uso da Unidade de Castração”, explica Rodrigo Rodrigues, Assessor Especial da Prefeitura para a Causa Animal.

 

Assim que for aprovado, a Unidade Móvel de Castração percorrerá os barros periféricos da Cidade, promovendo a castração gratuita de cães e gatos. Para isso, será feito o levantamento prévio de animais e a distribuição de senhas.