HCFMB lança projeto Doador do Futuro

Uma doação de sangue, a decisão de se tornar doador de órgãos e o entendimento sobre a importância da doação de leite materno podem dar um novo sentido à vida de alguém. Pensando nisso, o Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Botucatu (HCFMB), em parceria da Diretoria de Ensino – Região de Botucatu, lançou nesta semana o Projeto Doador do Futuro, criado pelo Núcleo de Comunicação, Imprensa e Marketing, com apoio do Banco de Leite Humano, do Biobanco / Organização de Procura de Órgãos / Banco de Olhos e Hemocentro do HCFMB.

A coordenadora do Núcleo de Comunicação, Imprensa e Maketing do HCFMB e responsável pelo projeto Bruna Fioruci, falou sobre o objetivo do projeto Doador do Futuro. “Nosso intuito é conscientizar e informar alunos do ensino médio sobre a importância da doação de órgãos, sangue e leite materno. Futuramente esses jovens, já adultos, poderão não só se tornar doadores, mas também transformar a realidade de tantas pessoas que necessitam”, afirmou.

O superintendente do HCFMB, Dr. André Balbi abriu o evento explicando aos alunos sobre o HC, e como estavam inseridos nele. “Esse programa é fundamental para que o HC continue crescendo e principalmente, ensinando. Agradeço às escolas presentes e à Diretoria Regional de Ensino pela oportunidade de proporcionar novos conhecimentos a vocês”, disse.

Palestraram para cerca de 250 alunos das escolas municipais a coordenadora do Banco de Leite Humano (BLH), Drª. Saskia Feketi; a enfermeira responsável pela Organização de Procura de Órgãos (OPO), Marina Cleto e a enfermeira da Coleta de Sangue do Hemocentro do HCFMB, Luciane Caldeira. Todas incentivaram a doação de órgãos, leite materno e sangue; falaram sobre a importância da ação para os pacientes que estão a espera de uma nova chance, além de explicar como funciona a rotina dos principais locais onde ocorrem as mais diversas e importantes doações.

Doador do Futuro

O projeto consiste em um trabalho educativo e contínuo sobre doação de sangue, leite humano e órgãos, junto a entidades de Ensino Médio das redes pública e privada de Botucatu, com o objetivo de promover a cultura de doação voluntária, atingindo principalmente o público jovem.

A juventude foi escolhida para encabeçar o Doador do Futuro porque esta faixa etária possui grande potencial para realizar mudanças na sociedade e, neste caso, propagar o valor de doação.

No Brasil, esta cultura ainda não é difundida. Segundo o Índice de Solidariedade Mundial (que registra, em 140 países, o número de pessoas que ajudaram um estranho, doaram dinheiro para uma ONG ou fizeram trabalho voluntário), o Brasil ficou apenas em 68º lugar no ano passado, atrás de vários países sulamericanos, como Peru, Chile e Uruguai.

 

Agradecimentos
Contribuíram para a realização desse projeto:
Dr. André Luis Balbi – Superintendente do HCFMB
Dr. José Carlos de Souza Trindade Filho – Chefe de Gabinete
FMB – Faculdade de Medicina de Botucatu
Famesp
AG – Administração Geral do Campus Unesp – Botucatu
Cabo Machado – Polícia Militar de Botucatu
Coordenadoria de Segurança HCFMB
Érika Fabíola Ribeiro de Souza
Letícia de Cássia Vitória Duarte
Núcleo de Transportes HCFMB
Secretaria Municipal de Educação e Transporte Escolar de Botucatu
Serviço Técnico de Nutrição e Dietética HCFMB
Colégio Embraer
EE Cardoso de Almeida
EE Dom Lúcio Antunes de Souza
EE Dr. Armando De Salles Oliveira
EE Prof. Américo Virgínio dos Santos
EE Prof. Euclides Carvalho Campos
HOSPITAL DAS CLÍNICAS
FACULDADE DE MEDICINA DE BOTUCATU – HCFMB
EE Prof. João Queiroz Marques
EE Prof. José Pedretti Neto
EE Prof. Manoel Patrício do Nascimento
EE Prof. Pedro Torres
EE Prof. Raymundo Cintra
EE Prof.ª Sophia Gabriel de Oliveira
Vivian Abilio – NCIM HCFMB