GCM resgata Veado Campeiro no Rio Bonito

A Guarda Municipal resgatou na tarde desta terça-feira, dia 09, um Veado Campeiro em Botucatu. O GPA (Grupo de Proteção Ambiental), com os agentes Odair e Maffei, foram acionados para atender essa ocorrência.

Segundo informações, o animal entrou em um rancho, que estava em construção no Rio Bonito. A captura foi realizada com sucesso, juntamente com o apoio dos também GCMs Inspetor Trombaco e GCM Zambonato.

O Veado foi deixado aos cuidados do CEMPAS da Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia de Botucatu, sob responsabilidade do Professor Carlos Teixeira. O Veado aparentava alguns ferimentos aparentes leves.

O animal 

O veado-campeiro é um mamífero do grupo dos cervídeos, parente dos alces e dos cervos. Ele vive em grande parte da América do Sul. No Brasil, é encontrado nas regiões Sul e Centro-Oeste, em especial no Pantanal Mato-Grossense.

Sua alimentação é composta essencialmente de alguns tipos de capim. Mas comem também outras plantas, como o alecrim-do-campo, o assa-peixe, o capim-favorito e vagens de barbatimão.

São muito rápidos, podendo correr a 70 quilômetros por hora. Quando encontram pequenos rios, conseguem saltá-los sem diminuir a velocidade. Porém, se os rios forem um pouco maiores, atravessam-nos nadando com facilidade. (Fonte: Escola Britannica)