Defesa Civil faz alerta de baixas temperaturas no fim de semana

A Defesa Civil de São Paulo fez um alerta nesta quinta-feira, sobre baixas temperaturas no estado no próximo fim de semana. Há a previsão de queda acentuada na temperatura na região centro-oeste paulista, com sensação térmica entre 0 e 7 graus.

A queda abrupta de temperatura intensifica a sensação de frio, aumentando o risco de incidentes e danos à saúde. No frio extremo, as pessoas podem sofrer de hipotermia e, devido à diminuição das chuvas e redução da umidade relativa do ar, doenças que atacam o aparelho respiratório.

Fique alerta:

  • Crianças e idosos são mais suscetíveis às doenças agravadas pelo frio. Mantenha-os agasalhados;
  • Em virtude das doenças oportunistas que incidem mais no período do frio (gripe, resfriado, pneumonia e meningite), é essencial tomar medidas simples como evitar locais fechados e de grande circulação de pessoas, além de higienizar frequentemente as mãos.

O que fazer antes:

  • Lave e seque bem mantas, cobertores e blusas guardadas por muito tempo em armários;
  • Abrigue os animais domésticos nas noites mais frias, pois eles também estão sujeitos aos importunos do frio.

O que fazer durante:

  • Mantenha-se bem agasalhado e não fique muito tempo exposto a um ambiente frio;
  • Procure manter-se hidratado, mesmo se sentir menos sede, para evitar ressecamento de pele e lábios por causa do ar frio;
  • Crianças e idosos são mais suscetíveis às doenças agravadas pelo frio. Mantenha-os agasalhados;
  • Evite banhos prolongados ou com água muito quente, que provocam ressecamento da pele;
  • Use soro fisiológico para hidratar olhos e narinas;
  • Ao usar aquecedores, é importante manter uma fonte de umidificação do ambiente em paralelo (recipientes com água, toalhas molhadas, umidificadores);
  • Mantenha ao menos uma fonte de ventilação em locais fechados para facilitar a circulação do ar e diminuir a concentração de vírus, bactérias e alérgenos no ambiente;
  • Atenção ao sol: mesmo no frio, é importante manter o cuidado de utilizar protetores;
  • Atenção redobrada com aquecedores em ambientes mal ventilados;
  • Evite que as crianças pequenas brinquem na cozinha, atraídas pelo calor. Líquidos e panelas quentes podem causar graves acidentes;
  • Não improvise para manter ambientes aquecidos, utilizando churrasqueiras e latas com fogo, por exemplo;
  • Se observar pessoas em situações de vulnerabilidade diante de temperaturas baixas, avise imediatamente a Defesa Civil do seu município.