Claudinei Basso: a paixão pelos motores corre em suas veias

Geral
Claudinei Basso: a paixão pelos motores corre em suas veias 26 março 2017

 

Foto 4toques: Há 23 anos Nei fundou o Zuando Moto Clube

Claudinei Basso (68), mais conhecido como “Nei” mora no Bairro desde que nasceu. É pai de três filhos: Luis Henrique Basso, Danilo Basso e Maria Catarina Basso. Avô de Enzo e casado com Maria Consolata, o veterano desta edição tem muitas histórias para recordar.

Mecânico de profissão, a qual aprendeu com seu o pai Luis Basso,sua oficina fica localizada na Rua Brás de Assis, uma das principais vias da Vila dos Lavradores.Entre suas recordações estão as tradicionais quermesses da igreja Sagrado Coração de Jesus. “Sempre participei das festas da igreja. A quermesse acontecia durante todo o mês de junho. Era muito divertida”, diz.

Apaixonado pelo automodelismo desde criança, Nei participou de várias corridas de kart, algumas em Interlagos, na cidade de São Paulo. “Está no meu sangue a adrenalina, por muito tempo participei de corridas de kart. Mas como era muito caro, tive que parar com essa prática”, afirma.

Por gostar da adrenalina que a corrida proporciona, em 1993, Basso fundou o Zuando Moto Clube. No início, o clube tinha poucos integrantes, atualmente conta com mais de 200 participantes de várias cidades do estado de São Paulo como: Baixada Santista, São Paulo, Barra Bonita, São Manuel e Botucatu.

Segundo Nei, ele não tinha a intenção de fundar o Zuando Moto Clube. “Não era meu intuito montar o clube. Antes se chamava Treta Moto, só que o pessoal parou e eu continuei e alguns amigos resolveram me acompanhar. Foi assim que nasceu o novo clube”, relembra.

Arquivo pessoal: Atualmente o Zuando Moto Clube conta com mais de 200 participantes

O primeiro encontro que o Zuando Moto Clube participou aconteceu na cidade de Serra Negra. Na época, 30 pessoas que moravam em Botucatu foram junto com Nei ao encontro. “Esse foi o primeiro encontro que o clube participou. Fizemos muitas amizades, foi lá que tudo enraizou”, diz.

Nei já participou em 2000, do 4° Encuentro Internacional de Motococlismo. “Foi uma experiência incrível. Conheci a Argentina e o Uruguai. Nunca mais vou esquecer essa viagem”, relata.

Em Botucatu, próximo a fazenda Lageado, o Zuando Moto Clube tem sua sede. Os encontros acontecem aos finais de semana. “Somos uma família. Sempre fazemos festas, jantares, tudo é motivo para comemoramos”, comenta.

O amor ao esporte é passado de geração a geração. Basso revela que seus filhos também o acompanham nos encontros. Quando questionado se ele imaginou que seu clube teria a proporção que tem hoje, a resposta foi imediata. “Nunca imaginei que o clube seria do tamanho que é. Estou muito feliz. Falo que ganhei uma nova família”, conclui.

 

Compartilhe esta notícia
Oferecimento
BERIMBAU INST DESK
FREIRE MOTOS
Oferecimento

Veja também

Oferecimento
VISTORI
SHOPPING INSTITUCIONAL
INSTITUCIONAL ELO
EXAME TOXICOLOGICO