Banco do Brasil deve diminuir número de agências em Botucatu

Incertezas em Botucatu com reestruturação do BB

Arquivo Acontece Botucatu

Clima de incerteza entre os funcionários do Banco do Brasil em Botucatu. Após a divulgação pelo Banco de um programa de Demissão Voluntária e reestruturação de agências, começam a surgir rumores sobra quais agencias podem fechar no Município.

Segundo informações de bastidores, a ideia da direção do Banco é fechar a agência 6510, localizada na Praça Comendador Emílio Pedutti, a Praça do Bosque.

Botucatu ainda conta com mais três agências, a principal delas na Rua Amando de Barros. As outras são na Vila dos Lavradores e Unesp em Rubião Junior, sendo que uma delas poderia virar escritório de negócios.

Há 4 anos o Banco do Brasil fez uma reestruturação parecida. As duas agências da Vila dos Lavradores corriam o risco de fechar, fato que não ocorreu após o Prefeito de Botucatu, Mário Pardini, interceder e uma delas, na Major Matheus, permaneceu aberta, porém, a agência da Brás de Assis foi fechada.

Anúncio

O Banco do Brasil anunciou na última segunda-feira a abertura de dois Programas de Demissão Voluntária com a previsão de adesão de cerca de 5 mil funcionários.

Foi anunciado ainda o fechamento de 361 unidades – 112 agências, 7 escritórios e 242 postos de atendimento – no primeiro semestre deste ano.