Assembleias definem que não haverá greve no Transporte Coletivo de Botucatu

Geral
Assembleias definem que não haverá greve no Transporte Coletivo de Botucatu 06 outubro 2017

Fotos arquivo Acontece Botucatu 

O Acontece Botucatu traz em primeira mão a informação de que os funcionários que trabalham no Transporte Coletivo em Botucatu não entrarão em greve. A decisão ocorreu na tarde desta sexta-feira, dia 06, após assembleias do Sindicato com funcionários.

A categoria é representada pelo Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários de São Manuel. O presidente do Sindicato, Geraldo Navas, esteve em Botucatu pessoalmente para conversar com os trabalhadores.

Foram feitas duas assembleias, uma com funcionários da Stadtbus e outra com os operadores da Reta Transportes, empresas que ainda operam em Botucatu. A primeira assembleia, na Reta, terminou pouco antes das 15 horas, e contou com a direção da empresa, sindicato e funcionários.

Os trabalhadores decidiram manter os trabalhos após a concessão de 4% de reajuste nos salários. O vale alimentação terá um reajuste que será definido ainda.

A segunda assembleia ocorreu logo depois na Stadtbus, já que as empresas possuem sedes próximas, na região da Vila Paulista e Distrito Industrial. Nos mesmos moldes da primeira, houve consenso pela não adesão ao movimento de paralisação. A decisão foi unanime foi unanime em ambos os casos.

” A gente não tinha até então proposta das empresas. Ontem as empresas formularam uma proposta por escrito pra gente. Chegaram aqui as propostas que eles fizeram e levantamos com os funcionários aqui e acabou melhorando ainda, pois o ticket ia dar 4% e acabaram dando 20%. Então podem ficar tranquilhos que a situação está resolvida”, disse Geraldo Navas, presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários de São Manuel, que atende Botucatu.

Compartilhe esta notícia
Oferecimento
BERIMBAU INST DESK
Oferecimento