São Paulo vence o Ituano fora de casa e avança às semifinais

Por Giovanni Luque

Foto: Giovanni Luque/arquivo pessoal

O bom momento das duas equipes o movimentado jogo de ida no Morumbi geraram a expectativa de um grande confronto na volta. Não foi, de fato, um duelo tão bom, mas nada que diminua o valor da classificação do São Paulo.

Aparentemente, Vagner Mancini encontrou os jogadores ideais para sua formação. O, agora, lateral Hudson e o trio de meio de campo formado pelos jovens Luan, Liziero e Igor Gomes se destacaram mais uma vez. Citamos esses atletas em especial, porém, todo o time teve uma apresentação muito segura, desde a dupla de zaga até o centroavante Pablo.

Classificando – se na 2ª posição do grupo (o 1º foi o próprio Ituano), a torcida tricolor clamava por melhores atuações. E o time correspondeu aos “anseios populares”. Muito dessa melhora no desempenho passa pelos pés dos meninos de Cotia, principalmente Antony. Driblador, velocista e incisivo, o garoto tem criado as principais jogadas de ataque da equipe.

Quarta, contra o Galo de Itu, não foi diferente. Municiado por Igor Gomes e com o resguardo (e apoio) do capitão Hudson, ele teve liberdade para atacar. Segundo dados do Footstats, ele executou 2 dribles corretos, 2 finalizações corretas, 2 chances criadas para companheiros e 4 desarmes, mostrando que o jovem também ajuda na marcação.

E foi justamente com o camisa 39 que o gol do São Paulo se fez. O botucatuense Baralhas não conseguiu dominar um passe e Antony tomou a bola. Puxando o contra ataque pela ponta direita, ele chegou perto da área e levantou a bola para Pablo. O centroavante ajeitou, bateu e foi bloqueado pelo zagueiro Léo. No rebote, Liziero pegou de primeira, marcou o gol da classificação tricolor e se juntou a Luan, Igor Gomes e Pablo no alambrado para comemorar.

Foto: Giovanni Luque/arquivo pessoal

Falando sobre o Ituano, os comandados de Vinícius Bergantin deixaram a desejar, mesmo precisando da vitória. Morato, que marcou o gol do Galo no Morumbi, estava em noite muito apagada e o garoto sensação do campeonato, Gabriel Martinelli, foi inibido pela presença de Hudson e não conseguiu levar perigo com suas jogadas.

Destacando – se no grupo D, o Rubro – Negro de Itu empolgou seus torcedores. Porém, teve um grande azar em enfrentar o São Paulo nessa nova fase. Esta pode ter sido, também, uma das últimas partidas de Martinelli em terras brasileiras, pois, segundo seu empresário, mais de 10 clubes do exterior apresentaram propostas pelo garoto. Que tenha sucesso aonde escolher jogar!

Classificado às semifinais, o São Paulo enfrentará o arquirrival Palmeiras e, como possui a pior campanha entre os 4 semifinalistas, decidirá fora de casa. Os Choques – Rei ocorrerão no próximo sábado, às 18:00 no Morumbi e dia 07/04, às 16:00, no Allianz Parque.

 

Giovanni Luque é estudante de jornalismo e colaborador do Acontece Botucatu