Corinthians joga bem, vence o Oeste e ajuda o rival São Paulo.

Por Giovanni Luque

Danilo Avelar comemora seu gol. Foto: Twitter oficial do Danilo Avelar – @avelardanilo

Os mais de 38 mil torcedores presentes na Arena Corinthians assistiram a um Timão aguerrido e ofensivo, buscando o gol desde o início.

Desde o jogo contra o Santos, no último domingo, passando pela partida contra o Ceará, na quarta, o Alvinegro vem mostrando uma evolução. Fábio Carille, aparentemente, está conseguindo impor seu estilo de jogo e os atletas estão assimilando os pedidos do treinador.

No confronto de ontem, contra a boa equipe do Oeste, o Timão teve o domínio total da partida. Fatores comprobatórios disso são os cruzamentos e as finalizações corretas. Segundo o Footstats, o time executou 10 cruzamentos que encontraram jogadores do Corinthians na área e outros 10 arremates em direção ao gol.

Apesar do alto número de chutes certos, o índice dos errados foi maior ainda, o que não permitiu uma vitória elástica. Foram 14 conclusões que ou pararam no ótimo goleiro adversário (falaremos mais sobre ele abaixo) ou não tiveram o caminho da meta.

O treinador corintiano escalou o time com Love e Boselli no ataque. A dupla teve uma boa aparição ontem, com chances de gol para ambos. O argentino, em especial, se apresentou melhor, demonstrando vontade e finalizando com perigo. Boselli está mostrando serviço, pois sabe que, na posição, a concorrência com Gustagol é forte.

Pois bem, voltemos ao jogo. Após muito tentar, na 1ª e 2ª etapas, o gol veio aos 15 do 2º tempo. Pedrinho aproveitou bola afastada pela zaga e lançou na área para o ainda inconstante Danilo Avelar, que chegou escorando para o gol. Querendo evitar o tento, o lateral Alyson colocou a mão na bola, mas não adiantou e a Arena explodiu em festa.

Depois da abertura do placar, o Timão criou, quase em 8 minutos, 5 outras chances perigosas, todas bem defendidas pelo goleiro adversário. Boselli, Pedrinho, Vagner Love e o zagueiro Henrique pararam nas mãos de Cavichioli.

Se o Rubro Negro vive boa fase no Paulistão (ainda briga por classificação e pode eliminar o São Paulo), boa parte dela passa pela segurança de Matheus Cavichioli. O goleiro, que vem brilhando desde o começo do Paulista, executou, ontem, 8 defesas, sendo 5 delas com um grau de dificuldade elevado. Ótimo jogador a se observar para o restante do ano.

Além da vitória e da boa apresentação do Corinthians, alguns outros acontecimentos dessa tarde de domingo devem ser destacados.

Ponto (muito) positivo para a homenagem que Corinthians e Oeste fizeram às vítimas do trágico massacre de Suzano, com nomes em balões pretos e símbolos de luto nos uniformes das equipes. Destaque (muito) triste para a morte do corintiano Diego da Silva, de apenas 23 anos, que faleceu após passar mal nas arquibancadas do estádio. Nossas sinceras condolências às famílias.

Todas as partidas da 12ª rodada, a última da fase de grupos, serão realizadas na quarta-feira (20/03), às 21h30min. O Corinthians cumpre tabela contra o Ituano, em Itu. Já o Oeste, dependendo de combinação de resultados para se classificar, recebe o Mirassol, na Arena Barueri.

 

Giovanni Luque é estudante de jornalismo e colaborador do Acontece Botucatu