Circuito Pró Cuesta de Trekking: 1ª etapa é neste domingo (12)

 

No próximo domingo (12), a partir das 9 horas, no Pesqueiro Recanto das Cerejeiras, acontece a primeira etapa do Circuito Pró-Cuesta de Trekking 2017. As inscrições são gratuitas e podem ser efetuadas até esta quinta-feira (9) pelo site www.procuesta.com.br. A organização da prova solicita que os participantes possam contribuir com a doação de 2 litros de leite, que posteriormente serão encaminhados ao Fundo Social de Solidariedade.

O trajeto da prova terá aproximadamente 9 km. Para participar as pessoas que queiram  iniciar no esporte é necessário formar uma equipe de três a seis pessoas. O limite será de 40 equipes participantes. Além dos equipamentos obrigatórios, recomenda-se levar um kit de primeiro socorros. O Circuito Pró-Cuesta de Trekking terá este ano um total de dez etapas. A competição será disputada em três categorias: Trekkers (iniciantes), Graduados e Elite.

“Reservamos trilhas inéditas com visuais bonitos e rios que fazem com que Botucatu seja destaque no mundo do trekking de regularidade”, afirma Fernando Arena, organizador do circuito pela Pró-Cuesta Adventure, que tem como parceira a Prefeitura de Botucatu, através da Secretaria Municipal de Esportes e Qualidade de Vida.

Sobre a modalidade

O trekking nada mais é que caminhadas em trilhas naturais em busca de lugares interessantes para se conhecer, possibilitando um maior contato com a natureza. É um esporte que concilia diversão e competição, e pode ser praticado por qualquer pessoa, independentemente do condicionamento físico.

São formadas equipes de três a seis integrantes, sendo necessário dividir as tarefas entre os participantes. A distribuição mais comum é utilizar ao menos um navegador, um calculista e um contador de passos.

A prova se resume em realizar um percurso pré-determinado pela organização, superando obstáculos naturais e percorrendo estradas, trilhas, riachos, montanhas, entre outros, com o tempo mais próximo possível do ideal estabelecido.

Não é uma prova de velocidade, mas sim de orientação e regularidade, onde são fornecidas velocidades médias e distancias entre referências que constam na planilha, possibilitando à equipe calcular o tempo exato de passagem em cada ponto.