Secretaria Municipal de Educação realiza 2ª Expo Educação Botucatu

A Secretaria Municipal de Educação promoverá nos dias 27 e 28 de novembro, a 2ª Expo Educação Botucatu. O evento que contará com atividades da Educação Infantil ao Ensino Fundamental II (anos finais) será realizado no Ginásio Municipal de Esportes “Mário Covas Júnior”, das 9 às 20 horas, e será aberto a toda comunidade botucatuense.

As escolas da Rede Municipal de Ensino participarão levando a Expo uma mostra das atividades e projetos educacionais realizados com parcerias de organizações sociais e que focam no processo ensino-aprendizagem.

Como na edição anterior, todas as coordenadorias da Educação Municipal como, Merenda, Transporte Escolar, Educação Especial, Escola do Meio Ambiente e NAPE – Núcleo de Apoio Pedagógico Especializado – estarão presentes com os serviços oferecidos aos alunos da comunidade e seus trabalhos pedagógicos.

“A Expo Educação será o momento dos botucatuenses conhecerem e participarem do que há de melhor na Educação Municipal. Todos terão a oportunidade de interagir com as atividades pedagógicas de nossos alunos e assistir a diversas apresentações como banda, teatro, orquestra, música e dança. É um desafio que proponho aos cidadãos, de conviverem com objetos de conhecimento, alunos e educadores”, disse o Secretário Municipal de Educação, Valdir Paixão.

Fórum

Simultaneamente à realização da Expo, a Secretaria Municipal de Educação promoverá o 1º Fórum de Escola de Educação Integral de Botucatu, que será realizado no auditório do Centro de Inclusão, localizado atrás do Ginásio Municipal.

O evento será aberto aos profissionais da Educação de Botucatu e Região, que deverão se inscrever no site .simmeb.educatu.com.br/expo, para garantir a participação. As vagas são limitadas.

O Fórum terá palestras, mesas-redondas e conferências de especialistas da educação em ensino de tempo integral.

“O fórum vem ao encontro das necessidades dos educadores, que neste momento estão recebendo a construção de sete escolas de tempo integral no Município de Botucatu. Os professores e especialistas na matéria abordada poderão discutir amplamente o tema e poderão contribuir para que nossas escolas sejam comprometidas à construção intencional de processos educativos que promovam aprendizagens sintonizadas com as necessidades, as possibilidades e os interesses dos estudantes”, concluiu Valdir Paixão.