Jovem da Fundação CASA de Botucatu é aprovado em Etec

Além dele, foram mais 20 jovens de outras unidades selecionados nas provas das Etecs e cinco em vestibulares das Fatecs

Fundação Casa
O jovem Carlos (nome fictício), que cumpre medida no centro da Fundação CASA de Botucatu ruma com passos firmes para uma mudança de vida plena. Na última segunda-feira, 22, o adolescente recebeu a notícia de que foi aprovado no processo seletivo da Escola Técnica Estadual (Etec) para o curso técnico de Mecânico de Maquinagem.

A conquista foi um complemento à trajetória do jovem, que começou este mês em um estágio na Secretaria de Assistência Social, por meio do Centro de Integração Empresa-Escola (Ciee). O sonho do adolescente é trabalhar um dia na Embraer.

Ao total, outros 19 jovens como Carlos foram aprovados nos processos seletivo das Etecs e cinco conseguiram vagas nas Faculdades de Tecnologia (Fatecs) do estado.

De acordo com a gerente de Educação Profissional da Fundação CASA, Cristina Lumiko Nakasone Watanabe, esse resultado é fruto de um trabalho integrado. “As equipes multiprofissionais dos centros analisam caso a caso. Quando detectam que o jovem tem perfil para cursar uma Etec ou uma Fatec, começam então um trabalho de reforço”, disse.

Uma das estratégias é trabalhar com esse jovem como se ele estivesse em curso intensivo. “Os servidores do setor pedagógico trazem provas antigas e refazem com eles, aplicam simulados e tiram dúvidas”, comentou.

No segundo semestre, 159 jovens da Fundação foram inscritos para participarem das provas das Etecs e 57 jovens prestaram os vestibulares das Fatecs.

Lista de aprovações – Etecs

Litoral – 6 aprovações (Itanhaém, 2 em São Vicente e 3 em Mongaguá)
Grande São Paulo – 1 aprovação (Franco da Rocha)
Capital – 3 aprovações (Semiliberdade Guararema e 2 na Vila Maria)
Interior – 10 aprovações (Irapuru I, Mirassol, 2 em Tanabi, Botucatu, 2 Cerqueira César e 3 em São Carlos)
Vale do Paraíba – 1 aprovação (Jacareí)

Lista de aprovações – Fatecs

Interior – 2 aprovações (São José do Rio Preto e Bauru)
Capital – 2 aprovações (CASA Pirituba)
Região Metropolitana – 1 aprovação (Osasco I)