Etecs e Fatecs abrem inscrições para Vestibulinho e Vestibular do 1º semestre de 2021

Ao todo, são mais de 100 mil vagas para cursos técnicos, integrados, especialização e para os Ensinos Médio e Superior Tecnológico do CPS

O calendário dos processos seletivos das Escolas Técnicas (Etecs) e Faculdades de Tecnologia (Fatecs) estaduais está em andamento, com inscrições abertas tanto para o Vestibulinho quanto para o Vestibular do primeiro semestre de 2021 – veja datas abaixo.

A seleção para cursos técnicos, integrados, especialização e para os Ensinos Médio e Superior Tecnológico se dará por meio de análise do histórico escolar, sem a realização de prova presencial ou online.

A mudança do critério se fez necessária para atender ao distanciamento social, recomendado pelo Governo do Estado de São Paulo e autoridades sanitárias, visando preservar a saúde dos candidatos, e observando as notas atribuídas aos estudantes antes da pandemia.

Tanto Etecs quanto Fatecs vão disponibilizar computadores online aos candidatos que tiverem dificuldade de acesso à internet para fazer a sua inscrição. Os interessados devem entrar em contato com a unidade para verificar data e horário de atendimento. Para utilizar os equipamentos, será obrigatório o uso de máscara de proteção facial e também respeitar as demais medidas de proteção do Protocolo Sanitário Institucional do Centro Paula Souza (CPS).

VESTIBULINHO DAS ETECS

Quem quiser concorrer a uma vaga para estudar nas Etecs no primeiro semestre de 2021 pode fazer a inscrição exclusivamente no site vestibulinhoetec.com.br, até 14 de dezembro, às 15 horas. O valor da taxa é de R$ 19.

O Vestibulinho oferece 86.149 vagas, distribuídas entre os Ensinos Médio, Técnico, Integrado e Especialização Técnica. As vagas são destinadas às Etecs e às classes descentralizadas (unidades que funcionam com um ou mais cursos, sob a administração de uma Etec) por meio de parcerias com as prefeituras do interior e da Capital (aulas nos CEUs) e com a Secretaria Estadual da Educação.

Novidades

Curso inédito – Próxima ao Porto de Santos, um dos mais importantes complexos de importação e exportação de mercadorias da América Latina, a Etec Dona Escolástica Rosa passa a oferecer o novo curso técnico de Comércio Exterior, com 40 vagas no período da noite.

Curso técnico de Transações Imobiliárias online – Nova formação vai disponibilizar 400 vagas.

Novotec Integrado – A modalidade oferece dez novas opções de Ensino Médio com Habilitação Técnica Profissional em: Agropecuária, Eletroeletrônica, Eletrotécnica, Finanças, Informática, Manutenção Automotiva, Mecânica, Mecatrônica, Meio Ambiente e Prótese Dentária.

Diversidade de formações

Além das 47.196 vagas para os cursos técnicos concomitantes ou subsequentes ao Ensino Médio, oferecidos nas modalidades presencial, semipresencial e online, o candidato poderá escolher entre diversas opções do Ensino Integrado, que totalizam a oferta de 35.953 vagas, distribuídas entre as seguintes modalidades:

Ensino Técnico Integrado ao Médio (Etim)

Ao estudar o Ensino Médio e o Técnico juntos, em tempo integral, o estudante vai fortalecer seu aprendizado básico com as habilidades profissionais. São oferecidas 16.350 vagas.

Novotec Integrado

O candidato pode optar por duas modalidades de certificação, o Ensino Médio com Habilitação Técnica Profissional e o Ensino Médio com Qualificação Profissional. As 18.532 vagas estão distribuídas entre 36 cursos.

Outras 1.071 vagas estão destinadas à Articulação da Formação Profissional Média e Superior (AMS). Nesta opção, o aluno poderá completar em cinco anos os Ensinos Médio, Técnico e Superior Tecnológico (são necessários seis anos para cursá-los separadamente). O ingresso neste Vestibulinho ocorre pelo Ensino Médio com Habilitação Técnica Profissional em um dos quatro cursos: Administração, Desenvolvimento de Sistemas, Logística e Química.

Modalidades de Ensino Médio

As Etecs oferecem três opções de formação adequadas às orientações da Reforma do Ensino Médio: o Ensino Médio com ênfase em Linguagens, Ciências Humanas e Sociais (1.475 vagas); Ensino Médio com ênfase em Ciências Biológicas, Agrárias e da Saúde (435 vagas); e Ensino Médio com ênfase em Ciências Exatas e Engenharias (470 vagas).

Especialização de nível médio

O Vestibulinho disponibiliza ainda 300 vagas para o curso de Gestão de Projetos, na modalidade online. Outras 320 serão distribuídas por mais sete cursos presenciais: Desenvolvimento de Aplicativos para Smartphones; Enfermagem do Trabalho; Gestão de Energia; Gestão de Unidades de Alimentação e Nutrição; Logística Reversa; Panificação e Confeitaria; Radiocomunicação.

Inscrições

Para se inscrever no processo seletivo, o candidato deve fazer o upload legível do documento de identidade e atestado de escolaridade com discriminação das notas de Língua Portuguesa e Matemática das séries indicadas a seguir.

Para o Ensino Médio com a opção por itinerários formativos, Novotec Integrado, AMS, Técnico Integrado ao Médio e primeiro termo do Técnico Integrado na modalidade EJA, os candidatos devem ter certificado de conclusão do Ensino Fundamental ou o Exame Nacional para Certificação
de Competências de Jovens e Adultos (Encceja). Além disso, precisam inserir as notas do oitavo ano do Ensino Fundamental de nove anos ou da sétima série do Ensino Fundamental de oito anos – as disciplinas devem ter sido concluídas até 31 de dezembro de 2019. As instruções para casos de reclassificação ou para quem não cursou tais séries estão na portaria disponível no site.

Aqueles que pretendem fazer o Ensino Técnico precisam ter concluído o Ensino Médio ou estar cursando a partir do segundo ano deste ciclo em 2021. O candidato que concluiu ou está cursando o ensino da EJA ou o Encceja deve ter o certificado de conclusão do Ensino Médio, declaração de que está matriculado a partir do segundo semestre da EJA, ou ter dois certificados de aprovação em áreas de estudos da EJA ou boletim de aprovação do Encceja enviado pelo MEC ou certificado de aprovação do Encceja em duas áreas de estudos avaliadas.

Para pessoas que realizaram o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) até a edição de 2016, certificado ou declaração de conclusão do Ensino Médio, expedido por órgão competente. As notas a serem avaliadas devem ser referentes ao nono ano do Ensino Fundamental de nove anos ou da oitava série do Ensino Fundamental de oito anos – as disciplinas devem ter sido concluídas até 31 de dezembro de 2019.

Aqueles que desejam fazer o curso de Especialização Técnica online precisam ter concluído o Ensino Médio e qualquer curso técnico ou superior. Para os presenciais, o candidato deve ter concluído o Ensino Médio e também ter cursado integralmente o Ensino Técnico associado ao curso de especialização, conforme relação disponível no site.

Em ambos os casos, candidatos devem informar as notas obtidas na segunda série do Ensino Médio – as disciplinas devem ter sido concluídas até 31 de dezembro de 2019. As instruções para casos de reclassificação ou para quem não cursou tais séries também estão na portaria disponível no site.

Comprovação de notas

Para atestar a correção das notas informadas, os candidatos devem fazer, no momento da inscrição, o upload legível de um dos seguintes documentos:

Para candidatos aos cursos técnicos modulares e Ensino Médio nas três modalidades com ênfase, Novotec Integrado, AMS, Técnico Integrado ao Médio e primeiro termo do Técnico Integrado na modalidade EJA – Histórico escolar ou declaração escolar assinada por agente escolar da escola de origem. Para quem é ou foi aluno da rede municipal da cidade de São Paulo, Boletim Escolar Digital disponível no Portal do Aluno.

Para candidatos aos cursos de Especialização Técnica – Histórico escolar ou declaração escolar assinada por agente escolar da escola de origem. Para quem é ou foi aluno da rede municipal da cidade de São Paulo, Boletim Escolar Digital disponível no Portal do Aluno. Para alunos da rede estadual é possível enviar boletim digital, obtido via site da Secretaria da Educação (Seduc).

Estudantes das Etecs do CPS podem utilizar o boletim online emitido no Novo Sistema Acadêmico (NSA) ou no Sistema Integrado de Gestão Acadêmica (Siga). Quem concluiu o Ensino Médio por meio do Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja) deve inserir certificado de conclusão do Ensino Médio (frente e verso) expedido por órgão competente, contendo as notas finais de Português e Matemática ou equivalentes do Ensino Médio.

Para pessoas que realizaram o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) até a edição de 2016, certificado ou declaração de conclusão do Ensino Médio, expedido pelos Institutos Federais ou pela Secretaria da Educação do Estado correspondente.

Prazos e opções

A taxa de inscrição deve ser paga em dinheiro, em qualquer agência bancária ou via internet, por meio do banco do candidato ou ainda pela ferramenta Getnet (pagamento com cartão de crédito), disponível na internet. O pagamento deve ser feito até 14 de dezembro.

No ato da inscrição para a primeira série do Ensino Médio, em todos os seus formatos, e no primeiro módulo do Ensino Técnico é possível colocar como segunda opção outro curso ou período desde que oferecido na mesma unidade para a qual o candidato vai se inscrever.

Este processo seletivo também oferece aos candidatos a possibilidade de se inscrever em mais de um curso, na mesma Etec ou classe descentralizada ou em unidades diferentes, mediante pagamento de nova taxa para cada inscrição que pretenda realizar.

A leitura atenta do Manual do Candidato e o preenchimento da ficha de inscrição eletrônica (ambos disponíveis em vestibulinhoetec.com.br) é de responsabilidade exclusiva do candidato ou de seu representante legal (pai, mãe, curador ou tutor), quando menor de 16 anos.

VESTIBULAR DAS FATECS

O processo seletivo das Fatecs oferece um total de 17.960 vagas, distribuídas entre os 84 cursos superiores tecnológicos gratuitos, em todas as regiões do Estado – aumento superior a 15% em relação ao primeiro semestre de 2020 (15.565 vagas).

Cursos inéditos

As Fatecs passam a oferecer:

Big Data para Negócios, na Fatec Ipiranga, localizada a zona sul da Capital – 40 vagas no período da manhã;

Desenvolvimento de Software Multiplataforma será ministrado nas unidades localizadas em Araras (40 vagas, noite), Capital (Fatec Zona Leste – 40 vagas, manhã), Franca (40 vagas, noite), Osasco (40 vagas, noite) e São José dos Campos (40 vagas, manhã).

Outras novidades

O curso de Gestão Empresarial, na modalidade Educação a Distância, volta a ser oferecido em 47 polos de aprendizagem – são 1.880 vagas no total.

Três Fatecs vão implantar turmas de cursos oferecidos em outras unidades:

– Fatec Assis – Gestão da Tecnologia da Informação (40 vagas, noite);
– Fatec Cotia – Ciência de Dados (40 vagas, noite);
– Fatec Sertãozinho – Gestão da Produção Industrial (40 vagas, manhã).

Inscrições

O candidato que quiser disputar uma vaga no Vestibular precisa ter terminado ou estar cursando o Ensino Médio ou equivalente, desde que no ato da matrícula comprove a conclusão do curso. Para se inscrever é necessário preencher a ficha de inscrição e o questionário socioeconômico, imprimir o boleto e pagar a taxa de R$ 39.

O valor deve ser pago até 15 de dezembro, em dinheiro, em qualquer agência bancária, mediante a apresentação do boleto impresso no momento da inscrição eletrônica, ou pagar, via internet, no banco do candidato ou ainda pela ferramenta Getnet (pagamento com cartão de crédito) disponível no site vestibularfatec.com.br.

É necessário também cadastrar o CPF para acessar o sistema e fazer upload legível do histórico escolar (frente e verso) ou declaração de conclusão do Ensino Médio, assinada por agente escolar da escola de origem, contendo as notas finais de Português e Matemática ou equivalentes da segunda série do Ensino Médio. Candidatos que concluíram o Ensino Médio na rede de escolas estaduais de São Paulo podem inserir o Boletim Escolar Digital, disponível no site da Secretaria Estadual de Educação.

Estudantes das Etecs do CPS podem utilizar o boletim online emitido no Novo Sistema Acadêmico (NSA) ou no Sistema Integrado de Gestão Acadêmica (Siga).

O candidato que concluiu o Ensino Médio por meio da EJA ou afins, deve fazer o upload do histórico escolar (frente e verso) ou declaração de conclusão do Ensino Médio, assinada por agente escolar da escola de origem, contendo as notas finais de Português e Matemática ou equivalentes da segunda série do Ensino Médio.

Quem ainda estiver concluindo o Ensino Médio regular, EJA ou modalidades semelhantes precisa inserir declaração assinada por agente escolar da escola de origem contendo as notas finais de Português e Matemática ou equivalentes da segunda série do Ensino Médio – as disciplinas devem ter sido concluídas até 31 de dezembro de 2019.

Candidatos que concluíram o Ensino Médio por meio de provas ou exames de certificação de competências ou de avaliação de jovens e adultos, que sejam decorrentes do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) ou do Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja) devem fazer upload do certificado de conclusão do Ensino Médio (frente e verso), expedido por órgão competente, contendo as notas finais de Português e Matemática ou equivalentes do Ensino Médio.

No ato da inscrição é possível escolher um curso em primeira opção e colocar como segunda alternativa: o mesmo curso (presencial) de primeira opção em outro período na mesma Fatec; ou o mesmo curso (presencial) de primeira opção oferecido em qualquer período de outra Fatec.

Confira todos os detalhes no Manual do Candidato, que está disponível no site do processo seletivo.

Inclusão Social

O Sistema de Pontuação Acrescida do CPS concede acréscimo de pontos à nota final dos processos seletivos das Etecs e Fatecs, sendo 3% a estudantes afrodescendentes e 10% a oriundos da rede pública. Se o candidato estiver nas duas situações, recebe 13% de bônus. É imprescindível que o candidato se certifique se realmente tem direito à pontuação acrescida, pois a matrícula não poderá ser realizada e a vaga será perdida caso as informações não atendam às condições estabelecidas em sua totalidade.