Escolas de Botucatu participam de projeto sobre alimentação sustentável

A Secretaria Municipal de Educação, em parceria com a Unesp de Botucatu, está desenvolvendo o projeto “Primeiros passos para uma alimentação sustentável” e que tem como objetivo reforçar a qualidade nutricional na merenda das escolas municipais.

A iniciativa conta com a participação de 5 escolas da Rede Municipal de Ensino: EMEF Antenor Serra, Profª Nair Amaral, Profº Francisco Guedelha, Profª Elda Moscogliato e Dr. João Maria de Araújo Júnior.

O projeto que conta com o apoio da Humane Society International (HSI) desde 2018, visa ampliar a educação nutricional na sala de aula, levantando temas que relacionam o impacto das escolhas alimentares com o meio ambiente e a saúde, assim como o incentivo ao consumo de frutas, verduras, legumes e grãos pelos estudantes.

O projeto teve início em 2019, antes da pandemia, quando os alunos experimentaram as novas opções no cardápio e tiveram ótima aceitação, além de receberem palestras e visitas a hortas como parte do projeto. Já as cozinheiras da Cozinha Piloto receberam treinamentos presenciais para aprenderem as novas preparações, fornecidas pela HSI, entre elas, hambúrguer de feijão e bolinho de baião de dois.

“Estimular a alimentação saudável com a inclusão de mais vegetais no cardápio oferecido aos alunos contribuirá para formar adultos mais saudáveis no futuro. Acreditamos que é algo importante que precisa estar presente no aprendizado das nossas crianças”, afirmou a Secretaria de Educação, Cristiane Amorim.

Neste ano, estão propostas atividades em sala de aula com o apoio dos professores, que receberão cartilhas e materiais educativos para serem trabalhados com os alunos e uma reciclagem do treinamento com as cozinheiras.

Mais informações sobre o projeto podem ser obtidas no Instagram @primeirospassos.unespbtu