Docentes da FMVZ de Botucatu visitam universidades na Itália e na Dinamarca

Os professores José Carlos de Figueiredo Pantoja e Juliano Gonçalves Pereira, do Departamento de Higiene Veterinária e Saúde Pública da Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia da Unesp, câmpus de Botucatu, participaram de uma Missão Acadêmica no mês de dezembro de 2019 para visitar a Universidade de Sássari, na Itália e a Universidade de Copenhagen, na Dinamarca.

A Missão faz parte das atividades do projeto CAPES-PrInt da Unesp denominado “Preservação e Redução de Perdas em Alimentos”, que tem o professor Pantoja como coordenador e o professor Juliano como líder de Rede de Pesquisa Internacional.

Na oportunidade, os professores da Unesp conheceram as instalações das instituições como laboratórios e plantas de produção de alimentos e bebidas e se reuniram com docentes e pesquisadores para a formalização de parcerias para execução de projetos de pesquisa em conjunto e para firmar acordos para mobilidade de alunos e professores entre as universidades.

Como parte das atividades, os professores da Unesp ministraram seminários aos alunos do Programa de Doutorado em Ciências Veterinárias da Universidade de Sássari.

O seminário ministrado pelo professor Juliano Pereira foi intitulado “Food Safety in Brazil: Challenges of food surveillance and inspection services in a continental country” e abordou temas relevantes relacionados ao projeto “Preservação e redução de perdas em alimentos” como desafios da produção de alimentos no Brasil, o sistema de vigilância sanitária e inspeção de produtos de origem animal e as oportunidades de desenvolvimentos de atividades de pesquisas relacionadas ao tema em nosso país e, além disso, fez uma apresentação das atividades que estão sendo realizadas na FMVZ-UNESP na área de Inspeção de Produtos de Origem Animal.

O seminário ministrado pelo professor Pantoja foi intitulado “Prevention strategies to decrease antimicrobial use due to mastitis treatment” e abordou temas como a prevenção da mastite bovina e novas estratégias de tratamento da doença em animais de produção.

Na Universidade de Sássari, a Missão também incluiu uma visita técnica ao Laticínio Pinna, uma das maiores fábricas de queijo de leite de ovelha do mundo. Na visita, os docentes da FMVZ tiveram a companhia do professor  Carlo Spanu, da Universidade de Sássari, e da responsável técnica pelo laticínio.

A fábrica de laticínios Pinna tem 28.000 m² e é certificada de acordo com a norma ISO 9001 e as normas europeias de segurança alimentar BRC e IFS. Emprega 185 trabalhadores que produzem e vendem mais de 10 milhões de kg de queijo e ricota, com um faturamento anual de mais de 65 milhões de euros, 30% dos quais são provenientes de exportações para o exterior. Na indústria, os professores conheceram os laboratórios de análises e as áreas de processamento do leite para a produção das inúmeras variedades de queijos produzidos.

Como atividades futuras das parcerias firmadas na Missão, está programada para 2020 a vinda de professores das Universidades de Sássari e de Copenhagen para visitar a FMVZ e ministrar disciplinas no Programa de Pós-Graduação em Medicina Veterinária.