Creches municipais atenderão em regime emergencial filhos de comerciários que retornam ao trabalho

A partir da próxima segunda-feira, 04 de maio, as creches do Comércio, o CEI Ruy Amado Piozzi na Vila dos Lavradores, e o CEI Claudeval Luciano da Silva no Centro, passarão a atender em caráter emergencial alunos de zero a 3 anos, exclusivamente filhos de pais trabalhadores no comércio.

A determinação vai ao encontro do Decreto nº 11.975, que especifica no a manutenção da prática de distanciamento social como forma de evitar a transmissão comunitária da Covid-19 e também o funcionamento dos comércios considerados não essenciais, mantendo meia porta ou portinhola aberta, sendo vedada a entrada do público ao seu interior, e realizando também atendimento em sistema de drive-thru.

Com isso, a Prefeitura de Botucatu vai atender apenas casos  extremos de pais que precisam voltar ao trabalho e necessitam deixar seus filhos na creche durante a pandemia do novo coronavírus.

Segundo as autoridades de Saúde, as crianças são assintomáticas ao Covid-19 e devem continuar em distanciamento social em casa. Sendo assim, a Secretaria de Educação informa que somente os pais ou responsáveis, que comprovadamente necessitarem deste atendimento emergencial, deverão cadastrar seus filhos através dos telefones (14) 3811-3631, 3811-3632, 3811-3633.