Juiz determina que Ginásio seja lacrado; organizador de show deve recorrer

Uma decisão do Juiz da 1ª Vara  Criminal de Botucatu, Dr. Josias Martins de Almeida Junior, na noite desta sexta-feira, 10, determina que o Ginásio Municipal de Botucatu seja lacrado. O Juiz, que também preside o Juizado da Infância e Juventude, diz na sentença que nenhum evento deve ser realizado no local enquanto os problemas não sejam resolvidos.

O show do grupo Roupa Nova está marcado para este sábado, a partir das 22 horas. A Justiça determinou a publicação da sentença, que está nesse neste  link aqui

Organização do show diz que vai recorrer 

A Rádio Municipalista, empresa responsável pelo show, disse que irá recorrer da decisão, alegando que possui todos os documentos necessários para a realização do show. Confira a nota.

Nota de esclarecimento

“A Rádio Municipalista vem neste momento se pronunciar sobre a sentença do Excelentíssimo Senhor Juiz da 1ª Vara da Comarca de Botucatu, Dr. Josias Martins de Almeida Junior, e da repercussão nas redes sociais com a informação de que o show teria sido cancelado.

Munido de todos os documentos e alvarás necessários para a realização do Show do Grupo Roupa Nova, a Rádio Municipalista, através de seu Diretor Vanderlei do Santos, informa que, respeitosamente, irá recorrer da decisão que foi proferida nesta noite.

Como organizador, estará neste sábado, dia 11, no Plantão Judiciário, apresentando todos os documentos exigidos, mostrando com transparência que preenche todos os requisitos para a perfeita realização do show, como ocorre há muitos anos.

Salientamos que temos plena confiança no judiciário e que todas as dúvidas serão sanadas a tempo de realizarmos nosso evento”, esclareceu Vanderlei dos Santos, diretor da Emissora e organizador do show.