AINDA EXISTEM COISAS MUITO AGRADÁVEIS NO MUNDO!

Caro leitor, o Brasil, diferentemente do que pensa muita gente, ainda não está perdido.  Entre nós existem coisas que nos alegram e que nos deixam imensamente felizes.

Pois bem, foi com essa sensação que terminei a semana e comecei esta que, não tenho dúvidas, será ainda melhor. Vivi dias maravilhosos ao lado da minha companheira (a minha outra metade, dona Rose de Almeida) marcando presença em três grandiosos eventos festivos e, em todos, percebi que, de fato, o Brasil vai mudar para melhor.

Primeiramente, muito orgulhoso, prestigiei a solenidade de entrega do título de BOTUCATUENSE EMÉRITO ao meu amigo irmão, Newton Colenci Junior, ocorrida na noite da quinta-feira, 29 de dezembro, na Câmara Municipal de nossa cidade.

Na noite seguinte, perto das vinte horas, assisti a formatura da minha princesinha Luna Carolina de Almeida Pires, aluna do pré-primário, no ginásio do renomado Colégio Santa Marcelina. Um pouquinho mais tarde,  juntei-me aos pouco mais de 600 convidados, aposentados da ASU – Associação dos Servidores da UNESP, numa festança de final de ano, que “chacoalhou” por várias horas, o salão de festas DARUMA, localizado nas margens da Rodovia Gastão Dal Farra.

“Bão”, agora vou “falar” um pouquinho da satisfação sentida nesses três encontros maravilhosos, a começar pelo RECONHECIMENTO concedido pelo vereador José Fernandes – um dos políticos mais jovens e atuantes da cidade – ao advogado Newton Colenci Junior, um moço extremamente comprometido com as coisas do bem e “pra” lá de querido em todos os cantos aqui da terrinha. A nossa “Casa de Leis” ficou todinha tomada por familiares e amigos dessa figura ímpar da sociedade botucatuense. Foi tudo muito bonito. Confesso que fiquei muito feliz em saber que um garoto que, acompanho há anos, bem de pertinho – aliás, é o atual Presidente do Conselho Deliberativo da nossa querida Associação Atlética Ferroviária – recebeu um prêmio igualzinho ao que me “abraçou” anos atrás e que orgulhosamente estampo na minha preciosa galeria de conquistas. Parabéns, grande Jú por conquistar tão nobre título.

A festa de formatura dos “pequenininhos” do Santa Marcelina me fez “cair o queixo”, tanto pela organização (as crianças, de modo bastante espontâneo cantaram o Hino Nacional, a Canção de Botucatu e o da Instituição, fato que parece não mais fazer parte da postura das escolas brasileiras) como, pela brilhante apresentação ofertada pelos “bebes” formandos, ao grande público presente. Teve muitas peças ensaiadas e apresentadas pelos garotos e garotas. Coisa de cinema!

O encontro dos jovens senhores e senhoras, sócios da ASU, funcionários aposentados da UNESP – maravilhosamente bem projetado pela diretoria da entidade – também não deixou por menos. Por lá, rolou muita emoção. Naquele belo Salão de Festas, por mais de cinco horas teve de tudo um pouco. Muita comida (das boas) servida impecavelmente pelos profissionais do mestre Samir Abdallah; “redondinhas” aos montes; um congraçamento saudosista de causar inveja; um “volumoso” sorteio de brindes, além, é claro de um “arrasta pé” animadíssimo. Ah, teve também aqueles discursos interessantes, até porque, a nossa ASU está com diretoria nova. Hoje, depois de muito tempo, temos uma “Presidenta” no comando de tudo! Glória!

Enfim, como um cidadão humilde, porém esperançoso demais em ver um Brasil melhor e mais justo com a sua gente e, mais ainda, por ter presenciado em duas noites consecutivas, três eventos diferentes, mas que agradaram muito os convidados quero afirmar com todas as letras o título que escolhi como “chamada” deste meu conto semanal: AINDA EXISTEM COISAS AGRADÁVEIS NO MUNDO! Não tenho dúvidas disso!

Para fechar com “chave de ouro” essa minha modesta explanação, e também, para fortalecer, ainda mais, essa esperança que carrego no meu coração em ver um país como o nosso, mostrando a sua riqueza a todos os brasileiros, e não somente a meia dúzia de picaretas, preciso contar aos meus acompanhantes que na segunda feira (03/12), um grupo de voluntários “botocudos” se abraçou na Rádio Municipalista, durante mais de três horas e realizaram a 17ª CAMPANHA DOS BRINQUEDOS. Outro sucesso absoluto! Voltarei a este assunto.

Confesso que gostaria de parar por aqui, até porque é prazeroso demais contar “causos” agradáveis e hoje me esbaldei. No entanto, como a nossa vida é um grande mistério, nesses mesmos dias de alegrias deparei-me com um triste quadro, uma realidade que nenhum de nós consegue dela se livrar: Deus, o nosso PAI, levou para perto de Si, um filho maravilhoso, um ser humano que pulsava SOLIDARIEDADE, um cristão que certamente fará muita falta entre nós. ELE, o Todo poderoso me deixou entristecido com o passamento do queridíssimo Antonio Manzini, o nosso amado e adorado Toninho Manzini, ocorrido em 29/11 que passou.

Que pena! A vida é mesmo desse jeito, resta-nos apenas lamentar. Descanse em paz estimado companheiro de lutas e lutas por um mundo melhor para todos, Até qualquer dia meu querido irmão!

Rubens de Almeida – Alemão/alemao.famesp@gmail.com